conecte-se conosco



Policial

Equipe da DHPP da Serra prende mandante de homicídio em Cariacica

Publicado

em


.

A Delegacia Especializada de Homicídio e Proteção à Pessoa (DHPP) da Serra cumpriu um mandado de prisão preventiva contra um homem 39 anos apontado como mandante de um homicídio e de uma tentativa de homicídio, ocorridos em fevereiro de 2017, no bairro Morada de Laranjeiras, também na Serra. A prisão aconteceu na última sexta-feira (07), no bairro Nova Rosa da Penha II, em Cariacica.

O delegado-geral da PCES, José Darcy Arruda, avaliou esta prisão como mais uma ação qualificada e de extrema importância para o Estado. “Este foi um homicídio perverso, executado durante o movimento de familiares de policiais militares em fevereiro de 2017. Devido à situação daquela época, vestígios e evidência dos crimes foram perdidas o que dificultou o trabalho investigativo. No entanto, esta prisão demonstra que a Polícia Civil não está parada e que está investigando os homicídios ocorridos naquele período, trazendo um pouco de consolo às famílias que perderam seus familiares”, afirmou.

O chefe da DHPP da Serra, delegado Rodrigo Sandi Mori, informou que o crime foi motivado por uma desavença entre o detido e a vítima. “Os dois comandavam juntos uma boca de fumo conhecida como “copo sujo”, no bairro Jardim Limoeiro, na Serra. No ano de 2016, o detido era investigado por um homicídio e foi preso por esse crime e a vítima assumiu o controle da boca. De dentro da prisão, o detido soube que a vítima não estava repassando os lucros do tráfico para a sua família e, por este motivo, mandou matá-lo”, explicou.

O detido foi autuado por homicídio qualificado e conduzido para o Sistema Prisional onde permanece à disposição da Justiça.

Sobre o crime

O crime foi cometido no dia 05 de fevereiro de 2017, no momento em que a vítima estava com os amigos em um bar, situado no bairro Morada de Laranjeiras. Na ocasião, dois indivíduos chegaram a bordo de um veículo. Um deles saiu do carro atirando e acertou uma pessoa que não tinha envolvimento no crime, já o alvo conseguiu entrar em luta corporal com esse atirador, mas foi atingido por um disparo de arma de fogo.

“Após acertarem o alvo, os executores chegaram a ir embora, mas viram que as pessoas no bar estavam socorrendo a vítima. Eles retornaram e mandaram todos se afastarem e efetuaram mais disparos contra a vítima que chegou a ser levada para um hospital, mas não resistiu aos ferimentos”, acrescentou Rodrigo Sandi Mori.

O delegado destaca que cerca de 50% dos homicídios cometidos durante o movimento já foram solucionados.

 

Texto: Fernanda Pontes

 

Assessoria de Comunicação Polícia Civil

Comunicação Interna – (27) 3137-9024

Agente de Polícia Fernanda Pontes

[email protected]

 

Atendimento à Imprensa:

Olga Samara/ Camila Ferreira
(27) 3636-1536/ (27) 99846-1111/ (27) 3636-9928 / (27) 99297-8693

[email protected]

 

Comentários do Facebook

Policial

Policiais civis de Cachoeiro de Itapemirim concluem inquéritos sobre homicídio e tentativa de latrocínio

Publicado

em


.

A equipe da Delegacia Especializada em Investigações Criminais (Deic) de Cachoeiro de Itapemirim, em operação integrada com a Delegacia Especializada de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) do município, concluiu inquéritos policiais que apuraram um homicídio e uma tentativa de latrocínio. Um jovem de 19 anos é apontado como autor dos dois crimes e outro, de 18 anos, é suspeito de participação no latrocínio tentado. As informações foram divulgadas nesta quinta-feira (24). 

O crime de latrocínio tentado ocorreu em 17 de março deste ano, em Cachoeiro de Itapemirim. O titular da Deic, delegado Rafael Amaral, explicou que na ocasião três alunas foram abordadas por dois suspeitos armados e um jovem interveio para ajudar as estudantes.

“O jovem estava indo trabalhar e, quando viu a tentativa de roubo, tentou ajudar as estudantes. Nesse momento, um dos suspeitos estava portando uma arma de fogo e efetuou um disparo, que acertou o abdômen dele. Após isso, os investigados acabaram roubando apenas o aparelho celular de uma das vítimas e correram em direção ao bairro Recanto, em Cachoeiro de Itapemirim”, afirmou o delegado.

Ainda segundo o responsável pelo caso, a equipe da Deic foi ao local assim que teve conhecimento do roubo. “Os policiais conseguiram imagens das câmeras de videomonitoramento da região e realizaram diligências no bairro Recanto. Os dois autores do latrocínio tentado foram identificados e, no mesmo dia do crime, o suspeito de 18 anos foi preso em flagrante. Ele tentou resistir à prisão trancando-se na residência e, por isso, foi necessário que os policiais arrombassem três portas da casa. Em ato contínuo, a equipe foi ao bairro Santo Antônio para efetuar a prisão do segundo envolvido, mas ele não foi encontrado”, disse. 

Rafael Amaral informou também que o suspeito foi conduzido à Delegacia e confessou a autoria do roubo. “Em depoimento, ele disse que estava em uma praça e aceitou o convite do amigo para praticar o roubo. Ele foi autuado, em flagrante, pelo crime de latrocínio na forma tentada. Após os procedimentos de praxe, o detido foi encaminhado ao Centro de Detenção Provisória de Cachoeiro de Itapemirim (CDPCI) e sua prisão foi ratificada pelo juiz de Custódia”, informou o delegado.

As investigações apontaram que o suspeito de 19 anos fugiu para o bairro Irajá, no Rio de Janeiro. “Diligências foram realizadas pelas equipes da Deic e da DHPP. Foi descoberto que o investigado havia voltado para Cachoeiro de Itapemirim. Ele foi encontrado e preso no último dia oito. O trabalho de investigações também mostrou que ele era apontado como o principal autor de um homicídio praticado em cinco de agosto deste ano”, relatou o delegado.

Os inquéritos foram finalizados e encaminhados ao Ministério Público do Espírito Santo (MPES).

Sobre o homicídio

O crime aconteceu em cinco de agosto deste ano, próximo ao Museu Ferroviário, região central de Cachoeiro de Itapemirim. Segundo o titular da DHPP, delegado Felipe Vivas Aoni, o suspeito de 19 anos é apontado como o principal autor.

“Na ocasião, a vítima foi assassinada com cinco tiros. Três disparos acertaram a cabeça, um no peito e outro nas costas. A vítima foi socorrida por populares, levada ao hospital, mas não resistiu e veio a óbito. O detido confessou com riquezas de detalhes a autoria do crime”, disse o titular da DHPP.

O delegado acrescentou ainda que a motivação estaria relacionada a uma vingança. “O detido relatou que, após cometer o crime de latrocínio tentado em Cachoeiro, fugiu para o Rio de Janeiro no final de julho, voltou para o município e encontrou a vítima na avenida Linha Vermelha, próxima ao Museu. De posse de um revólver de calibre 32, ele praticou o crime, pois, segundo relata, a vítima teria roubado a sua mãe há cerca de um ano e levado uma bolsa contendo joias e semijoias”, destacou.

O detido, de acordo com Felipe Vivas, já tem outras passagens pela Polícia. “Ele já responde por crimes de posse ilegal de arma de fogo e, quando adolescente, por tentativa de homicídio e tráfico de entorpecentes. Agora, foi indiciado pelo crime de homicídio qualificado e conduzido ao Centro de Detenção Provisória de Cachoeiro de Itapemirim (CDPCI), onde permanece à disposição da Justiça.”

 

Assessoria de Comunicação Polícia Civil

Comunicação Interna – (27) 3137-9024

Agente de Polícia Fernanda Pontes

[email protected]

 

Atendimento à Imprensa:

Olga Samara/ Camila Ferreira
(27) 3636-1536/ (27) 99846-1111/ (27) 3636-9928 / (27) 99297-8693

[email protected]

Comentários do Facebook
Continue lendo
Entretenimento3 horas atrás

“A Fazenda”: JP é eliminado e segue indignado por mandarem enfiar Twitter no c*

Reprodução/PlayPlus JP Gadêlha JP Gadêlha foi o segundo peão a deixar a 12º temporada de “A Fazenda” nesta quinta-feira (24). Lidi...

Esportes5 horas atrás

Copa do Brasil: Atlético-GO marca nos acréscimos e elimina Fluminense

. Com amplo domínio da partida, o Atlético-GO sufocou o Fluminense do início ao fim e saiu de campo com...

Estadual6 horas atrás

Cliente que teve nome negativado mesmo após pagar acordo deve ser indenizado

. A indenização por danos morais foi fixada em R$ 3 mil. Um cliente, que teve o nome mantido no...

Estadual6 horas atrás

Construtora é condenada a pagar multa a morador por atraso na entrega de apartamento

. A decisão da 2ª Vara Cível de Vitória considerou que o prazo de tolerância de 180 dias foi extrapolado...

Estadual6 horas atrás

Corregedoria Geral da Justiça fiscaliza prática de atos gratuitos em favor de hipossuficientes

. Por determinação do corregedor Ney Batista Coutinho, foi realizada uma reunião de trabalho com integrantes do Sinoreg, Colégio de...

Estadual6 horas atrás

Presidente do TJES abre evento destacando a importância da priorização das políticas públicas voltadas à primeira infância

. Webinário: Criança cidadã desde a primeira infância reúne de forma remota autoridades nacionais, estaduais e municipais nesta quinta e...

Saúde6 horas atrás

Brasil adere a aliança para aceleração da vacina contra a covid-19

. O governo federal anunciou nesta quinta-feira (24) a adesão ao Instrumento de Acesso Global de Vacinas Covid-19 (Covax Facility),...

São Mateus

Regional

Estadual

Nacional

Policial

ENTRETENIMENTO

POLÍTICA

Esportes

Mais Lidas da Semana

error: O conteúdo está protegido !!