Connect with us

Nacional

Em garimpo clandestino, bingo dá como prêmio ouro e mulheres

Published

on

Reprodução: Internet

Cartaz compartilhado em grupo de Whatsapp convida todos para o bingo no cabaré local, com direito a show

Um cartaz compartilhado por grupo de Whatsapp que se denomina “Amigos do Rio Uraricoera” convida todos os garimpeiros da região a participarem do bingo da Nayara, no Cabaré do Taituba, segundo noticiou o G1.

O Uraricoera é um rio usado pelos garimpeiros para chegar aos garimpos clandestinos dentro das terras dos índios Yanomami, em Roraima.

Um cartaz do ‘evento’ distribuído pelas redes mostra os principais prêmios para os sortudos: cartela cheia, 50 gramas de ouro (R$ 14 mil); na quina, uma mulher; para quem fizer a quadra, um relógio masculino.

LEIA MAIS: Rifa ilegal de R$ 30 oferece carro de luxo e dia com atriz pornô

Roraima possui diversos garimpos clandestinos, muitos deles em terras indígenas, que operam totalmente à margem da lei, com estruturas de bares e restaurantes adaptados, Wi-fi e outros confortos da civilização.

Nestes locais, onde o dinheiro corre farto em espécie e a violência faz parte do cotidiano, há muitos bordéis que para driblar a concorrência oferece eventos, como shows e bingo. Em outro cartaz, uma dessas casas oferece aos ganhadores prêmios como revólveres, que nesses locais valem quase tanto quanto o ouro, e dois litros de whisky.  

De acordo com a Polícia Federal, as estimativas são de que haja pelo menos 20 mil pessoas estejam espalhadas pelos diversos garimpos ilegais em terras indígenas na região de Roraima.

O tráfico de armas para as regiões de garimpo também são uma importante fonte de renda para contrabandistas na região. A Polícia Federal já fechou mais de uma fábrica ilegal destinada a fabricar armamento para abastecer os garimpeiros

Além de doenças, do confronto com os índios e da devastação ambiental, o garimpo ilegal utiliza o mercúrio para extração do ouro, produto que depois é descartado nos rios e contamina as águas e os animais, gerando graves danos ambientais e problemas neurológicos na população ribeirinha que vive da pesca.

Curtiu? Siga o FA NOTÍCIAS no Twitter e  Instagram.
Fique bem informado, faça parte do nosso grupo no WhatsApp e Telegram.

 

Comente Abaixo
Economia20 minutos ago

Nubank, Banrisul e mais empresas abrem 400 vagas em tecnologia

Ana Marques Nubank, Banrisul e mais empresas abrem 400 vagas em tecnologia O Nubank é uma das empresas com vagas...

Economia20 minutos ago

Petrobras tem disputa por diretorias após novo presidente assumir

Ivonete Dainese Petrobras: Com novo presidente, começa disputa pelas diretorias da estatal O Conselho de Administração da Petrobras aprovou o...

Nacional20 minutos ago

Milícias incorporam práticas do tráfico e dominam favelas do RJ

Fernando Frazão/Agência Brasil Estudo da FGV é baseado em dados coletados pelo Disque-Denúncia Criada por policiais no início dos anos...

Economia20 minutos ago

Nota de R$ 20 faz 20 anos: veja como o poder de compra mudou no tempo

pixbay Nota de vinte reais completou vinte anos nesta segunda (27) Parece que foi ontem, mas fazem duas décadas desde que...

Economia21 minutos ago

5 erros comuns na hora de fazer empréstimo

A nossa primeira reação em uma emergência financeira é procurar por um empréstimo rápido . É nesse momento de desespero...

Entretenimento26 minutos ago

Yasmin Brunet conta que já viu discos voadores: ‘Algumas vezes’

Reprodução/Instagram – 21.06.2022 Yasmin Brunet fala de espiritualidade nas redes sociais Após pedir aos seguidores perguntas relacionadas à espiritualidade, Yasmin Brunet foi...

Política50 minutos ago

Tarcísio de Freitas: pessoas nas ruas e cracolândia serão prioridade

Reprodução Tarcísio de Freitas participou do Roda Viva O pré-candidato ao governo de São Paulo Tarcísio de Freitas elegeu a...

São Mateus

Regional

Estadual

Nacional

Policial

ENTRETENIMENTO

POLÍTICA

Esportes

Mais Lidas da Semana