conecte-se conosco



Política

ELEIÇÕES 2018: Jair Bolsonaro vota em escola da Vila Militar, no Rio de Janeiro

Publicado

em

Candidato do PSL chegou à zona eleitoral às 8h55, acompanhado do filho, que disputa uma vaga ao Senado. Bolsonaro cumprimentou mesários, tirou fotos e depois falou com a imprensa.

O candidato do PSL à Presidência da República, Jair Bolsonaro, votou na manhã deste domingo (7) na Escola Municipal Rosa da Fonseca, dentro da Vila Militar, em Deodoro, na Zona Oeste do Rio.

Bolsonaro chegou às 8h55 à zona eleitoral. Ele cumprimentou os mesários e posou para fotos antes de ir para a cabine de votação.

Bolsonaro estava acompanhado do filho e candidato ao Senado pelo Rio de Janeiro, Flávio Bolsonaro.

Ao sair da seção eleitoral, Bolsonaro foi questionado por jornalistas se vê chance de vencer no primeiro turno. O candidato respondeu: “Acaba hoje”.

Nas pesquisas Ibope e Datafolha divulgadas no sábado (6) ele apareceu em primeiro lugar, com 41% e 40% dos votos válidos, respectivamente.

Comentários do Facebook

Política

Google explica: como é feita a publicidade citada por Wajngarten

Publicado

em


source
Fábio Wajngarten
Carolina Antunes/PR

Fábio Wajngarten desmentiu que fez publicidade governamental em sites que divulgam notícias falsas

Os sites onde as propagandas do governo federal foram veiculadas por meio da plataforma Adsense do Google foram definidos por algorítimos e pessoas, segundo a empresa de tecnologia. 

Veja também:  STF autoriza acesso a inquérito das fake news a advogados de investigados

Depois de ter sido citado pelo chefe da Secretaria de Comunicação (Secom) do governo federal, Fabio Wajngarten, em entrevista coletiva nesta quarta-feira (3), o Google se posicionou e confirmou que o cliente, quando usa a plataforma Adsense não tem controle sobre todos os sites que aquela propaganda pode aparecer.  

Wajngarten disse durante a coletiva que a “Secom não será usada” e que não escolheu locais que divulgam fake news . O chefe da Secom afirmou que as informações que o governo federal publicou 653.378 anúncios em 47 canais de notícias falsas, divulgadas no relatório da CPMI das Fake News não são verdadeiras. 

Wajngarten explicou que a campanha publicitária citada pelo relatório foi feita pela plataforma Google Adsense , onde o cliente não direciona a propaganda para sites específicos e sim para perfis de leitores. 

Segundo o Google, caso o cliente não aprove um site onde o material está sendo veiculado, pode pedir para que ele seja retirado e também que oferece relatórios “em tempo real”. 

Leia mais:  STF vota dia 10 legalidade do inquérito sobre fake news

“Entendemos que os anunciantes podem não desejar seus anúncios atrelados a determinados conteúdos, mesmo quando eles não violam nossas políticas, e nossas plataformas oferecem controles robustos que permitem o bloqueio de categorias de assuntos e sites específicos, além de gerarem relatórios em tempo real sobre onde os anúncios foram exibidos “, diz a empresa de tecnologia por nota.

Durante a coletiva, o chefe da Secom também criticou a imprensa que divulgou a informação que o governo teria anunciado em sites de notícias falsas. 

Sobre fake news, o Google afirma que não determina o que é ou não uma notícia falsa, mesmo tendo políticas sobre o tema. “Temos políticas contra conteúdo enganoso em nossas plataformas e trabalhamos para destacar conteúdo de fontes confiáveis. Agimos rapidamente quando identificamos ou recebemos denúncia de que um site ou vídeo viola nossas políticas”, diz a nota da empresa.

O Google também informou que em 2019 encerrou “mais de 1,2 milhão de contas de publishers e retiramos anúncios de mais de 21 milhões de páginas, que faziam parte de nossa rede, por violação de políticas”. 


Comentários do Facebook
Continue lendo
Saúde24 minutos atrás

Covid-19: Brasil tem 584.016 casos confirmados e 32.548 mortes

. O balanço divulgado no fim da noite desta quarta-feira (3) pelo Ministério da Saúde trouxe 28.633 novas pessoas infectadas com...

Nacional1 hora atrás

Covid-19: Brasil tem 1,3 mil mortos em 24h; total de óbitos é 32.548

Yan Boechat Novo levantamento oficial aponta que Brasil tem 28.633 novos casos em 24 horas O Ministério da Saúde divulgou...

Política1 hora atrás

Google explica: como é feita a publicidade citada por Wajngarten

Carolina Antunes/PR Fábio Wajngarten desmentiu que fez publicidade governamental em sites que divulgam notícias falsas Os sites onde as propagandas...

Nacional1 hora atrás

Covid-19: Brasil tem 1,3 mil mortos em 24h; total de óbitos é 32.548

Yan Boechat Novo levantamento oficial aponta que Brasil tem 28.633 novos casos em 24 horas O Ministério da Saúde divulgou...

Estadual1 hora atrás

Mulher que teve rosto queimado durante procedimento estético deve receber indenização

. O magistrado sentenciante entendeu que houve imprudência por parte da ré na realização do serviço prestado. O juiz titular...

Estadual1 hora atrás

Pensão alimentícia é tema do novo episódio de Just Talk – o Podcast do TJES

. O juiz Fábio gama, presidente do Fórum Permanente de Juízes de Família, explica sobre o pagamento de alimentos e...

Política1 hora atrás

Senado aprova prevenção à violência doméstica como serviço essencial

Reprodução De acordo com o projeto, o poder público deverá oferecer, enquanto durar o estado de emergência, residências temporárias, em...

São Mateus

Regional

Estadual

Nacional

Policial

ENTRETENIMENTO

POLÍTICA

Esportes

Mais Lidas da Semana

error: O conteúdo está protegido !!