conecte-se conosco


Nacional

El Chapo, um dos maiores traficantes do mundo, é condenado nos EUA

Publicado

em


Maior traficante do mundo, El Chapo nega o rótulo e afirma que não é o chefe do Cartel de Sinaloa
Reprodução/Wikipedia

Maior traficante do mundo, El Chapo nega o rótulo e afirma que não é o chefe do Cartel de Sinaloa

Considerado por diversas nações o maior traficante do mundo, o mexicano Joaquín Archivaldo Guzmán Loera, conhecido como El Chapo, foi condenado nesta terça-feira (12), em Nova York, nos Estados Unidos. Considerado culpado pelos crimes de assassinato, narcotráfico e conspiração, o traficante pode pegar prisão perpétua, ou seja, ficar detido para o resto da vida. A sentença deve ser proferida no dia 25 de junho.

O julgamento histórico começou em novembro de 2018 e contou com mais de 200 horas de depoimentos de 56 testemunhas.  O veredicto foi anunciado após seis dias de deliberações. El Chapo , de 61 anos, era o chefe do Cartel de Sinaloa, um sindicato de tráfico de drogas baseado em Culiacá, no México.

Desde janeiro de 2017, o traficante está preso no Manhattan Correctional Center. Segundo a imprensa internacional, o seu processo é extenso, sendo que tem quase 15 mil páginas.

O processo incluiu dezenas de testemunhas, como ex-aliados do traficante no cartel de Sinaloa, um especialista em criptografia e um fornecedor de cocaína colombiano. Uma delas contou como o narcotraficante puniu um homem que havia trabalhado para outro cartel, ao sequestrá-lo, espancá-lo e enterrá-lo vivo.

Leia também: Vídeo mostra violento cerco ao traficante mexicano

Além disso, outra testemunha afirmou que o traficante pagara propina de US$ 100 milhões para o então presidente do México , Enrique Peña Nieto, que nega a acusação.

Antes de ser preso no ano passado, o traficante foi detido várias vezes desde 1993. Porém, em todas, ele foi capaz de fugas cinematográficas. A caçada a ele envolveu autoridades e agentes dos Estados Unidos e do México. Preso, ele foi extraditado para os Estados Unidos.

Leia mais:  Embaixadora do Brasil bate boca com Jean Wyllys em debate na ONU

Os jornais portugueses informam que os advogados do traficante afirmam que ele, psicologicamente, não está com a saúde em dia. Isso porque é mantido preso em uma cela solitária, isolado dos demais, o que gera uma série de transtornos, como perda de memória e ideias fixas.

Porém, as autoridades norte-americanas afirmam que o isolamento é necessário porque ele já fugiu de prisões de alta segurança.

Leia também: Como o México recapturou um dos traficantes mais procurados do mundo

O maior traficante do mundo, El Chapo nega o rótulo e afirma que não é o chefe do Cartel de Sinaloa, organização responsável pelo destino de parte da cocaína enviada para os Estados Unidos, lavagem de dinheiro, sequestros e assassinatos.

* Com informações da Ansa

Fonte: IG Nacional
Comentários do Facebook
publicidade

Nacional

Enterro de catador que foi morto pelo exército será nesta sexta-feira (19)

Publicado

em


Família de Luciano Macedo
Reginaldo Pimenta/Agência O Dia

Família de Luciano Macedo pretende processar o Exército

O enterro do catador de material reciclável Luciano Macedo, 27 anos, acontecerá nesta sexta-feira (19) à tarde, no Cemitério de São Francisco Xavier, no Caju, zona portuária do Rio. A família não divulgou o horário do sepultamento.

Leia também: Morre catador baleado pelo Exército ao ajudar família alvo de 80 tiros no Rio

Luciano levou três tiros no domingo (7), ao tentar ajudar a família do músico Evaldo dos Santos Rosa, o Manduca, 51 anos, que teve o carro atingido por 83 tiros disparados por militares do Exército , quando passava por Guadalupe, zona norte do Rio. O músico morreu na hora. Os militares confundiram o carro de Evaldo com um veículo também branco que havia sido roubado por ladrões.

De acordo com informação da Secretaria de Estado da Saúde (SES), Luciano morreu na madrugada de ontem (18), no Hospital Estadual Carlos Chagas, em Marechal Hermes. Em nota, a secretaria informou que “todos os esforços clínicos necessários foram realizados por profissionais multidisciplinares do Hospital Estadual Carlos Chagas com o objetivo de oferecer o melhor atendimento ao paciente Luciano Macedo, vítima de perfuração por arma de fogo que deu entrada na unidade no último dia 7″.

A SES esclareceu que o paciente “apresentava estado de saúde gravíssimo desde a entrada na unidade, o que impossibilitava sua transferência”. No dia 17, Luciano Macedo foi submetido a uma cirurgia torácica, mas acabou morrendo às 4h20 da madrugada de ontem (18). O catador deixou mulher, Daiana Horrara, grávida de cinco meses.

Leia também: Bolsonaro diz que “exército não matou ninguém” sobre tiros em músico

Leia mais:  Embaixadora do Brasil bate boca com Jean Wyllys em debate na ONU

A organização não governamental (ONG) Rio de Paz conseguiu, por meio de doações, enxoval para o bebê e dinheiro para alugar casa para a viúva. De acordo com o advogado da família do catador, João Tancredo, nove tiros disparados pelos militares do Exército atingiram outro veículo estacionado do outro lado da rua. 

Fonte: IG Nacional
Comentários do Facebook
Continue lendo
Regional50 minutos atrás

Bandidos baleados em assalto a posto de Gasolina

 BARRA S. FRANCISCO (ES) – Policias do 11º BPM, foram acionados na noite desta quinta-feira (18), por volta das 20h30min,...

Estadual58 minutos atrás

Morador de rua é morto a socos e chutes no ES

Um morador em situação de rua, que foi identificado apenas pelo nome de Helder, foi morto na madrugada desta sexta-feira...

Esportes1 hora atrás

Luan no Palmeiras? Verdão pode ceder Lucas Limas para contratar ídolo do Grêmio

Divulgação Ídolo do Grêmio, Luan pode ser o novo reforço do Palmeiras O elenco estrelado do Palmeiras pode ganhar mais...

Economia1 hora atrás

AGU tenta recuperar mais de R$ 2 bilhões em fraudes no INSS

Agência Brasil AGU tenta recuperar mais de R$ 2 bilhões em fraudes no INSS A Advocacia-Geral da União (AGU) está...

Nacional2 horas atrás

Enterro de catador que foi morto pelo exército será nesta sexta-feira (19)

Reginaldo Pimenta/Agência O Dia Família de Luciano Macedo pretende processar o Exército O enterro do catador de material reciclável Luciano...

Mulher2 horas atrás

7 receitas veganas para colocar em prática no almoço de Páscoa

É tradição em muitos lares brasileiros reunir a família para desfrutar de um almoço nos feriados, e um deles é...

Nacional3 horas atrás

Rússia diz que Relatório Mueller não prova interferência nas eleições americanas

Divulgação/White House Donald Trump não conspirou com a Rússia para vencer eleições, diz investigação O Kremlin disse na sexta-feira que...

São Mateus

Regional

Estadual

Nacional

Policial

Mais Lidas da Semana