conecte-se conosco


Nacional

“É questão de física”, diz Covas sobre enchente que já dura 7 dias na zona leste

Publicado

em


Prefeito Bruno Covas afirmou estar preparado para mobilizar equipes a fim de resolver problemas de alagamentos em SP
Reprodução/TV Globo
Prefeito Bruno Covas afirmou estar preparado para mobilizar equipes a fim de resolver problemas de alagamentos em SP

O prefeito de São Paulo, Bruno Covas (PSDB), alegou que as enchentes provocadas nos bairros da zona leste da capital são “uma questão habitacional e de física”. A declaração foi dada ao G1
depois que fortes chuvas atingiram a região da Vila Itaim, na manhã desta terça-feira (12), e fizeram com que os alagamentos que afetam o bairro há sete dias piorassem.

Leia também: Viaduto que cedeu na Marginal Pinheiros será reaberto para carros já em março

“A Prefeitura está lá tentando fazer a ação o mais rápido possível, mas é uma questão de física que a água escorre para lá mesmo”, explicou Covas
. Nesta terça-feira, uma equipe da Defesa Civil esteve no local, a fim de ajudar crianças do bairro da zona leste de São Paulo a chegarem às suas creches, já que os pais tentam evitar que as crianças tenham contato com a água e sejam contaminados.

O problema sobre o qual prefeito de São Paulo
se pronunciou foi causado depois que a chuva que atingiu a região na semana passada fez com que o nível da água do Rio Tietê aumentasse e transbordasse, inundando e tornando intransitáveis diversas vias da região. Além disso, a população ainda enfrenta situações de água suja no nível do joelho e acumulação de lixo.

Os trens da linha 12-Safira da CPTM chegaram a ter a circulação interrompida entre as estações Engenheiro Manoel Feio, Jardim Romano e Itaim Paulista, no período da manhã. Os trens da linha 11-Coral também andaram com velocidade reduzida e maior tempo de espera entre as estações Guaianases e Estudantes. Ambas as situações foram normalizadas.

Leia mais:  Passa de 30 o número de mortos após depressão tropical Florence nos EUA

Leia também: Prefeitura de São Paulo interdita ponte que liga Marginal Tietê à Dutra

Com o agravamento das enchentes
, os moradores do bairro aproveitaram ainda para protestar contra a atuação da Defesa Civil em relação à situação que se prolonga há uma semana. Um trecho da Avenida Marechal Tito, que passa sobre o rio, foi bloqueada com pedaços de madeira e caixas pelos manifestantes.

Leia também: MP quer multar prefeitura de São Paulo por falta de manutenção em viadutos

Covas 
ainda destacou ao G1
que está preparado para mobilizar equipes e tomar medidas a fim de atenuar os problemas das inundações em São Paulo. A previsão é de que a aproximação de uma frente fria na capital traga mais chuvas fortes para a cidade, que podem agravar a situação da zona leste e provocar alagamentos em outras regiões da cidade.

Fonte: IG Nacional
Comentários do Facebook
publicidade

Nacional

PF vai investigar grupo que teria planejado incêndios na Amazônia

Publicado

em

source

Agência Brasil

O ministro da Justiça e Segurança Pública, Sergio Moro, afirmou neste domingo (25) que a Polícia Federal (PF) vai investigar integrantes de um grupo que teria planejado atear fogo em áreas de floresta entre os municípios de Altamira e Novo Progresso, sudoeste do Pará. O caso ocorreu no último dia 10 de agosto, data que chegou a ser batizada por produtores rurais da região como “Dia do Fogo”, e foi denunciado em uma reportagem da revista Globo Rural.

Leia também: Sete estados já pediram apoio federal para combater incêndios florestais

Queimadas na Amazônia arrow-options
Fernando Frazão/ABr
Incêndios criminosos na floresta amazônica serão investigados pela Polícia Federal após aumento de focos de queimadas

“Fui contatado hoje mesmo pelo PR Jair Bolsonaro sobre o fato e solicitando apuração rigorosa. A Polícia Federal vai, com sua expertise, apurar o fato. Incêndios criminosos na Amazônia serão severamente punidos”, afirmou o ministro pelo Twitter.

Segundo a matéria, mais de 70 pessoas, entre sindicalistas, produtores rurais, comerciantes e grileiros combinaram, por meio de um grupo de WhatsApp, incendiar as margens da BR-63. A rodovia liga a região do Pará aos portos fluviais do Rio Tapajós e ao estado de Mato Grosso.

A reportagem também foi compartilhada pelo ministro do Meio Ambiente, Ricardo Salles, em que ele reforça a determinação do presidente Bolsonaro para uma “investigação rigorosa” e punição dos responsáveis pelos incêndios criminosos.

De acordo com a assessoria do Ministério da Justiça e Segurança Pública, a apuração da PF deve se concentrar sobre o caso denunciado na matéria da revista Globo Rural.

Leia também: Salles pede apoio dos estados para enfrentar crise ambiental na Amazônia

MPF no Pará apura denúncia

Na última quinta-feira (23), o Ministério Público Federal (MPF) no Pará informou que está investigando o aumento de queimadas na mesma região, incluindo uma denúncia semelhante de incêndios criminosos. De acordo com o MPF, o procurador da República Paulo de Tarso Moreira Oliveira apura a convocação divulgada em jornal de Novo Progresso, supostamente por fazendeiros, para um “dia do fogo”, em que os produtores rurais incendiariam grandes áreas de floresta. O dia previsto para a manifestação também seria 10 de agosto.

Leia mais:  Taiwan celebra hoje primeiros casamentos LGBT da Ásia; 300 casais se registraram

Leia também: Cúpula G7 vai ajudar os países que sofreram com as queimadas na Amazônia

Satélites do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe) detectaram aumento significativo de queimadas no dia 10 de agosto, com o registro de 124 focos de incêndio, aumento de 300% em relação ao dia anterior. No dia seguinte, foram registrados 203 focos. Em Altamira, foram detectados 194 focos em 10 de agosto e 237 no dia 11, um aumento de 743% nas queimadas.

Fonte: IG Nacional
Comentários do Facebook
Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie
Esportes28 minutos atrás

Goiás, com um a menos e de virada, bate o Internacional no Serra Dourada

arrow-options reprodução / Twitter Goiás x Internacional – Campeonato Brasileiro Se o panorama do primeiro tempo com expulsão no time...

Esportes29 minutos atrás

Santos abre 3 a 0, sofre pane no 2º tempo e só empata com o Fortaleza

arrow-options Agência O Globo Após bom primeiro tempo, Santos tem pane e apenas empata com o Fortaleza: 3×3 na Vila...

Esportes29 minutos atrás

Vasco vence São Paulo com tranquilidade e respira no Brasileirão

arrow-options Agência O Globo Thalles Magno comemora gol do Vasco Após mais de um mês longe de casa, o Vasco...

Nacional30 minutos atrás

PF vai investigar grupo que teria planejado incêndios na Amazônia

O ministro da Justiça e Segurança Pública, Sergio Moro, afirmou neste domingo (25) que a Polícia Federal (PF) vai investigar integrantes...

Agricultura31 minutos atrás

Agricultura familiar na Expointer: vendas crescem 51% no primeiro dia de feira

As vendas de produtos da agricultura familiar na feira do setor na Expointer, fecharam o primeiro dia com alta de...

Saúde1 hora atrás

Bebe muito café? É por isso que você pode estar com tanta dor de cabeça

Você já deve ter lido as notícias contraditórias sobre estudos relacionados ao café . Contudo, agora, mais uma pesquisa foi...

Entretenimento2 horas atrás

“Estou em estado de choque”, diz Marisa Orth no velório de Fernanda Young

arrow-options Divulgação Fernanda Young, Rita Lee e Marisa Orth no programa “Saia Justa” Atriz que trabalhou com Fernanda Young em diversas séries...

São Mateus

Regional

Estadual

Nacional

Policial

Mais Lidas da Semana