conecte-se conosco



Economia

Dólar fecha em  R$ 5,08, menor nível em dez semanas

Publicado

em


source

Agência Brasil

dólar
MARCELLO CASAL JR./AGÊNCIA BRASIL

Dólar tem menor valor em 10 semanas

Em mais um dia de alívio nos mercados internacionais, o dólar fechou no menor nível em dez semanas. A bolsa de valores ultrapassou os 93 mil pontos e encerrou no nível mais alto em quase três meses.

O dólar comercial encerrou esta quarta-feira (3) vendido a R$ 5,086, com recuo de R$ 0,124 (-2,38%). A cotação operou em queda durante toda a sessão e fechou no menor nível desde 26 de março (R$ 4,996). Na mínima do dia, por volta das 12h, chegou a atingir R$ 5,02. A divisa acumula alta de 26,74% em 2020.

O euro comercial fechou o dia vendido a R$ 5,722, com recuo de 2,38%. A libra comercial caiu 2,45% e terminou a sessão vendida a R$ 6,369.

O Banco Central (BC) interveio pouco no mercado. A autoridade monetária ofertou até US$ 620 milhões para rolar (renovar) contratos de swap cambial – venda de dólares no mercado futuro – que venceriam em julho.

Bolsa de valores

No mercado de ações, o dia foi marcado pelo otimismo com o exterior. O Ibovespa, índice da B3 (bolsa de valores brasileira), fechou o dia aos 93.002 pontos, com ganho de 2,15%. O índice está no maior nível desde 6 de março, quando tinha fechado próximo aos 98 mil pontos.

O Ibovespa seguiu o mercado norte-americano. O índice Dow Jones, da Bolsa de Nova York, fechou a quarta-feira com alta de 2,05%. Apesar do acirramento dos protestos antirracistas nos Estados Unidos, os investidores reagiram à queda de novos casos de covid-19 em regiões norte-americanas e em países europeus e a dados econômicos positivos.

Nos Estados Unidos, o setor privado fechou 2,76 milhões de vagas. O nível veio melhor que a extinção de 9 milhões de postos esperada pelos analistas. O setor de serviços da China cresceu pela primeira vez desde janeiro e teve, em maio, o melhor desempenho mensal desde o fim de 2010. Na Europa, a contração das empresas diminuiu em maio, indicando início de recuperação.

Há várias semanas, mercados financeiros em todo o planeta atravessam um período de nervosismo por causa da recessão global provocada pelo agravamento da pandemia do novo coronavírus. Nos últimos dias, os investimentos têm oscilado entre possíveis ganhos com o relaxamento de restrições em vários países da Europa e em regiões dos Estados Unidos e contratempos no combate à doença.

No Brasil, a emissão em títulos da dívida externa pelo Tesouro, anunciada hoje pela manhã, indicou que ainda há demanda por ativos brasileiros no exterior.

Veja também:  Petrobras aumentára em 5,3% o preço no gás nesta quinta-feira

Comentários do Facebook

Economia

Líder do MBL criou estratégia para não pagar impostos, diz Receita

Publicado

em


source
protesto fora dilma paulista
Creative Commons

Protestos na Avenida Paulista foram puxados pelo MBL e outros movimentos populares

Ao determinar a prisão de dois empresários supostamente envolvidos com o Movimento Brasil Livre (MBL) , o juiz Marco Antonio Vargas disse que a família de Renan Santos, líder do movimento, comprou empresas perto de falência para fugir do pagamento de impostos e lucrar às custas dos consumidores.

O juiz, no entanto, impediu a suspensão das atividades econômicas de ambos os ligados ao MBL , que havia sido solicitada pelo Ministério Público, porque a pandemia “exige a preservação de empregos e a viabilização de exercício de atividades laborativas lícitas”.

A Receita Federal afirmou, no pedido de prisão dos empresários, que a família de Renan Santos , um dos principais nomes do MBL, adotou um esquema para lucrar às custas dos consumidores ao evitar pagar impostos .

renan santos mbl
Reprodução/YouTube

Renan Santos, líder do MBL, criou estratégia para comprar empresas perto de falência para não pagar impostos

“Eles não declaram nem pagam os tributos, e com isso enriquecem com a apropriação indevida dos tributos pagos pelos consumidores finais”, diz o pedido de prisão. Segundo a Receita, esse é o “segredo do sucesso” dos empresários ligados ao MBL.

A operação que prendeu os empresários, batizada de “Júnior Moneta”, investiga fraudes e desvios de até R$ 400 milhões . Apesar da ligação entre os presos e o MBL, o MP afirmou que os desvios até o momento não são da alçada política, e sim envolvendo empresas ligadas aos presos.

Comentários do Facebook
Continue lendo
São Mateus13 minutos atrás

Pai agride mãe e filha com chutes e socos em São Mateus

Primeiro o agressor não gostou que a filha cuja idade não foi citada no boletim de ocorrência da Polícia Militar,...

Nacional14 minutos atrás

Próximo do pico, MG é excluído do repasse de remédios fundamentais para UTIs

Gil Leonardi / Imprensa MG Leitos de UTI para tratamento contra o novo coronavírus em Guanhães, no Vale do Rio...

Nacional15 minutos atrás

Cidade na Bahia entrega “Kit Covid”, com cloroquina e ivermectina; entenda

Reprodução O “Kit Covid” vem com azitromicina, hidroxicloroquina e ivermetcina. Nenhum dos medicamentos tem eficácia comprovada para Covid-19 A Prefeitura...

Internacional15 minutos atrás

Adolescente, filho de naturalista é atacado por cobra píton; veja vídeo

Robert Irwing / Instagram Jovem compartilhou ataque nas redes sociaiss Aos 16 anos, o jovem Robert Irwin, filho do naturalista...

Entretenimento44 minutos atrás

De lives a venda de salgados: músicos contam como se mantêm durante a pandemia

Com eventos suspensos, casas noturnas fechadas e bares que funcionam com horário e capacidade reduzida de pessoas — sem a permissão...

Polícia Federal44 minutos atrás

Polícia Federal realiza grande operação de erradicação e destrói mais de 500 mil pés de maconha

. Recife/PE – A Polícia Federal deflagrou, entre os dias 22/06 e 12/07, a Operação MUÇAMBÊ III com o objetivo...

Agricultura44 minutos atrás

MANDIOCA/CEPEA: Retração produtora mantém oferta baixa

. Cepea, 13/07/20 – A oferta de mandioca continua abaixo das expectativas de agentes consultados pelo Cepea. Parte dos produtores...

São Mateus

Regional

Estadual

Nacional

Policial

ENTRETENIMENTO

POLÍTICA

Esportes

Mais Lidas da Semana

error: O conteúdo está protegido !!