conecte-se conosco


Variedades

DNA confirma que professora de 35 anos teve filho com aluno de 13

Publicado

em

ROMA (ITA) – A Promotoria da cidade italiana de Prato (centro) abriu uma investigação contra uma professora de 35 anos depois que um teste de DNA demonstrou que o filho ao qual deu à luz há alguns meses é de um ex-aluno adolescente.

A professora dava aulas particulares de inglês para jovem no final de 2017 e um ano depois teve um filho que agora o DNA provou ser do menor, que na época tinha 13 anos, segundo indicou a Promotoria.

A mulher, que deu à luz no outono (hemisfério norte) de 2018, foi interrogada na segunda-feira (11) durante três horas para dar sua versão dos fatos.

A família se deu conta de que o adolescente vivia momentos de inquietação e nervosismo e este acabou reconhecendo que tinha mantido relações sexuais com a professora e que ela tinha informado que o filho ao qual deu à luz era seu.

Foi então quando a família do menor decidiu denunciar a docente, com a qual mantinha uma relação de amizade.

A Promotoria dessa cidade toscana abriu uma investigação pelo possível crime de “atos sexuais com menores”, que pode acarretar em penas de entre três e seis anos de prisão.

A mulher pediu para falar com os promotores e no fim de semana passado aceitou submeter seu filho a um exame genético que certificou a paternidade do adolescente, de acordo com as mesmas fontes.

Agora as autoridades tratam de reconstruir todos os fatos, entre outras coisas, com o material que recuperem de seus respectivos telefones celulares.

A professora deu seu testemunho acompanhada pelo seu atual companheiro, que reconheceu o bebê como o seu filho.


(*R7 e Folha do ES)

Comentários do Facebook
Leia mais:  Veterano de guerra ganha a vida como faxineiro pelado
publicidade

Variedades

Casados há mais de 7 décadas na BA, idoso de 104 e mulher de 94 anos

Publicado

em

Casal mora em povoado de Vitória da Conquista, na região sudoeste da Bahia, têm 5 filhos, 18 netos e 24 bisnetos: ‘Feliz de ver a casa cheia’

Dois idosos que moram no município de Vitória da Conquista, na região sudoeste da Bahia, estão casados há mais de sete décadas. Eles têm cinco filhos, 18 netos e 24 bisnetos.

Clóvis Pereira, de 104 anos, e dona Maria Pereira, de 94 anos, foram um dos primeiros moradores que chegaram ao povoado de Estiva, onde residem desde a década de 60.

“Era pouco morador aqui. Não existia quase morador. Eu gostei daqui e quando eu vim, só era eu e a mulher”, lembra o idoso.

Na parede de casa, os quadros reforçam o que é fácil de perceber: a família é o bem maior e a alegria do casal.

“Fico muito feliz de ver a casa cheia de neto e bisneto”, destaca Maria.

Idoso de 104 anos e mulher de 74 têm 5 filhos, 18 netos e 24 bisnetos — Foto: Reprodução/TV Sudoeste

Os dois lavradores são retrato fiel do povo sertanejo: família grande, orgulho da roça e muita vitalidade. Uma vez por semana, o casal recebe todos os filhos, netos e bisnetos em casa. “Para mim, é uma honra, um privilégio, ter meu pai com 104 anos, minha mãe com 94. Agradeço a Deus todos os dias”, afirma a filha Noemia Pereira.

“É um orgulho muito grande de ver meus avós nessa idade e a gente poder acompanhar eles. A gente vem aqui na casa, vê a alegria deles nos receber. É um orgulho tê-los conosco ainda”, afirma a neta Livia Carvalho.

O casal também é admirado pela vizinhança. “Se hoje eu estou morando aqui, nessa terra, foi por causa dele, que doou um pedaço de terra para mim. Em nome do senhor Jesus Cristo, estou aqui até hoje”, relata o vizinho Josué dos Santos.

Ativo, seu Clóvis acorda sempre cedo e, como de praxe, vai direto colocar a lenha no fogão. Dona Maria vem logo em seguida colocar a água no fogo água para fazer o café. Depois, o idoso deixa a mulher em casa e vai cuidar do que mais gosta: a plantação. Pega a enxada, capina e molha as plantas.

Diz que são hábitos que o fazem lembrar do passado, da época em que a plantação era farta e maior do que a de hoje. “Tinha feijão, milho, esse mundo todo aqui era roça minha”, diz.

Clóvis diz que o segredo para viver muito está em Deus e em uma comida que ele adora. “O segredo é Deus, que dá a sorte a gente. E tem que comer mocotó, que dá sustância e prolonga a vida da pessoa”.


(*G1/BA)

Comentários do Facebook
Leia mais:  Anitta surpreende e anuncia o fim da carreira de cantora
Continue lendo
Variedades2 horas atrás

Casados há mais de 7 décadas na BA, idoso de 104 e mulher de 94 anos

Casal mora em povoado de Vitória da Conquista, na região sudoeste da Bahia, têm 5 filhos, 18 netos e 24...

Nacional2 horas atrás

Google e WhatsApp devem remover imagens da boneca ‘Momo’

Imagens da boneca têm sido utilizadas por criminosos da internet para convencer crianças e jovens a cometerem atos ilícitos e...

Estadual4 horas atrás

Detenta foge de hospital em Vitória e deixa filho de dois meses internado

Aline Barreto Alcântara cumpria pena no Centro Prisional Feminino de Cariacica por furto qualificado. Presa fugiu por uma báscula após...

Mulher4 horas atrás

Aline Riscado posa de biquíni na praia e ganha elogios: ‘Parece uma escultura’

Beldade divulgou foto nas redes sociais RIO DE JANEIRO (RJ) – Aline Riscado aproveitou o finalzinho da tarde de domingo...

Nacional4 horas atrás

Menina se mata com a arma do pai em São Paulo

Ele estava tomando banho quando ouviu o barulho do tiro SÃO CAETANO (SP) – Uma menina de 10 anos se...

Nacional6 horas atrás

Homem pega no pênis de menino de 13 anos e diz: “quero sentir endurecer”

CUIABÁ (MT) – Um homem, identificado como E.L.R., 47 anos, foi preso em flagrante por abusar sexualmente de um garoto...

Agricultura7 horas atrás

Em Washington, ministra ressalta importância da reaproximação com os EUA

A ministra Tereza Cristina (Agricultura, Pecuária e Abastecimento), que acompanha viagem do presidente Jair Bolsonaro aos Estados Unidos, comentou nesta...

São Mateus

Regional

Estadual

Nacional

Policial

Mais Lidas da Semana