conecte-se conosco


Entretenimento

Diretor criativo de premiação de site pornô, Kanye West lança música em evento

Publicado

em

Foi realizada na noite desta quinta-feira (6) no Belasco Theater em Los Angeles, a primeira entrega anual dos prêmios do Pornhub, o site pornô mais acessado no mundo, para os melhores da indústria do entretenimento adulto.

Leia também: Prêmio Sexy Hot: Oscar Pornô têm mulheres concorrendo na categoria de direção


Kanye West foi o diretor criativo da primeira premiação realizada pelo site pornô Pornhub
Reprodução/Twitter
Kanye West foi o diretor criativo da primeira premiação realizada pelo site pornô Pornhub

O rapper americano Kanye West
foi o diretor criativo do Pornhub Awards e lançou uma nova música, cujo clipe foi dirigido pelo cineasta Spike Jonze (“Ela”) durante a cerimônia  de premiação do site pornô
. A nova faixa do marido de Kim Kardashian
se chama I Love it

Leia também: Cantora Britânica polemiza ao fazer topless em memorial de igreja

West desenvolveu o designer das estátuas de cada uma das categorias do prêmio. A cerimônia foi ambientada no futuro, mais precisamente no ano de 6918 e foi transmitida para todo o mundo via streaming e em realidade virtual pelo site oficial – o mesmo em que podem ser conferidos muitos dos vídeos pornográficos que disputavam os prêmios. 


Atriz pornô no tapete vermelho do Pornhub Awards, premiação do site pornô mais acessado do mundo
Reprodução/Twitter
Atriz pornô no tapete vermelho do Pornhub Awards, premiação do site pornô mais acessado do mundo

A nata da indústria do entretenimento adulto estava presente. A mestre de cerimônias foi a atriz pornô Asia Carrera. Entre apresentadores pelados e outros vestidos pela grife de West, estavam em disputa prêmios nas categorias de performer lésbica do ano, performer fetichista do ano, performance anal, melhor performer em sexo a três, melhor performer de sexo oral, melhor performer em gangbang, melhor performance em dupla penetração, melhor performer bem dotado, atriz pornô mais popular, entre outras. 

Leia mais:  Cardi B não se arrepende de briga com Nicki Minaj e voltaria a atirar sapato

Leia também: Sósia de Tatá Werneck é aposta da Playboy portuguesa para pegar no Brasil

Um dos prêmios mais aguardados da noite era o de celebridade da noite, no qual a esposa de Kanye, Kim Kardashian
, estava indicada. Que levou foi a influencer Lena the Plug.

Kanye West
foi convidado para ser o diretor criativo do evento depois de admitir que é consumidor assíduo do Pornhub e indicar até mesmo os vídeos de sua preferência em uma entrevista ao apresentador Jimmy Kimmel. Ele ganhou, inclusive, uma assinatura premium para toda a vida do site pornô
.

Comentários do Facebook
publicidade

Entretenimento

Inocentado em primeira instância, funkeiro passa aniversário na cadeia

Publicado

em

Em abril deste ano o carioca DJ Rennan da Penha, um dos maiores personagens do funk atual, foi preso de acordo com a decisão do desembargador Antônio Carlos Nascimento Amado. O mandado de prisão foi emitido em março e o funkeiro negociou com seus advogados sua apresentação na justiça que ocorreu um mês depois.

Leia também: “Sou trabalhador com mandado de prisão”, diz DJ Rennan da Penha antes de prisão

DJ Rennan da Penha arrow-options
Divulgação
DJ Rennan da Penha

O funkeiro  teve sua detenção decretada pela primeira vez em 2015, porém foi absolvido em primeira instância por falta de provas. Já em 2019, foi emitido um mandado de prisão em segunda instância. Segundo um dos seus advogados Fabrício Gaspar, a segunda instância é absurda. “A decisão em 2ª instância se aproveita de provas imprestáveis para condenar Rennan, e além de condenar, ainda prevê uma pena acima do mínimo legal, que no caso dele, que é réu primário, seria a menor possível”.

Leia também: Rennan da Penha se entrega em delegacia do Rio de Janeiro

Um pedido de habeas corpus foi realizado no começo de abril, porém, negado. O Supremo Tribunal Federal alegou que a detenção do DJ era constitucional. Para a defesa, a acusação está carregada de preconceito. “Batemos nessa tecla do preconceito por causa da origem dele e ao tipo de arte que ele dissemina na sociedade: a arte musical da favela, o grito dos pobres e da periferia”, explicou o advogado.

Porém, meses se passaram e o DJ ainda continua na cadeia. Hoje, dia 15 de Julho, o artista completa 25 anos de idade. Seu produtor nos disse que o DJ está muito triste que gostaria de ganhar sua liberdade. “O maior presente de aniversário seria minha ganhar minha liberdade”, disse Rennan ao seu produtor Leleco.

Leia mais:  Gusttavo Lima é condenado a pagar quase R$ 10 milhões por uso indevido de música

Ainda segundo seu produtor, a defesa vai continuar insistindo no habeas corpus para a soltura do artista. Eles afirmam que a detenção do mesmo se dá pelo preconceito dele ser negro, funkeiro e morador do Complexo do Alemão. Para eles, a detenção foi errada e eles não possuem provas para manter Rennan encarcerado. A defesa do DJ continua tentando conseguir uma alteração de pena para a soltura de seu cliente, sem sucesso.

O caso e a criminalização do funk

A juíza da primeira instância inocentou Rennan bom base na falta de provas, porém, o promotor insatisfeito com o resultado recorreu em segundo instância. Nela, os desembargadores não escutaram nenhuma testemunha e não levaram em conta a falta de provas que o inocentou a primeira vez.

Leia também: Do baile às baladas, o funk atravessa gerações e conquistas novos seguidores

A OAB do Rio de Janeiro, emitiu em abril uma nota de repúdio ao caso do funkeiro , alegando que projetos de criminalização contra manifestações artísticas no Estado ocorrem por conta da cor da pele e da classe social de seus autores.

Fonte: IG Gente
Comentários do Facebook
Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

São Mateus

Regional

Estadual

Nacional

Policial

Mais Lidas da Semana