conecte-se conosco


São Mateus

DENGUE EM SÃO MATEUS: Mais de 2 mil casos preocupam Vereadores

Publicado

em

Mesmo antes do convite, o secretário, ouvido pela reportagem adiantou que o município tem feito sua parte com palestras nas comunidades e carro fumacê.

SÃO MATEUS (ES) – Enquanto o município evita se aprofundar na questão com divulgação de dados que mantenham a população informadas sobre o surto da dengue em São Mateus, a Câmara de Vereadores, através dos vereadores Jozail do Bombeiro (PTB), Carlos Alberto Alves (PSB) e o presidente do Legislativo Jorginho Cabeção, que compõem a Mesa Diretora, se juntaram para pedir providências da Secretaria Municipal de Saúde.

A situação é preocupante e soa nos quatro cantos da cidade a dificuldade do município em combater eficazmente o surto com medidas. Em função da situação, Jorginho Cabeção sugeriu que o secretário de Saúde Henrique Luiz Folador fosse chamado à Câmara para explicar o que tem sido feito.

LEIA TAMBÉM: SINAL DE ALERTA: Dengue chega aos quatro cantos de São Mateus

Mesmo antes do convite, o secretário, ouvido pela reportagem adiantou que o município tem feito sua parte com palestras nas comunidades e carro fumacê.

 Mas evitou informar oficialmente quantos casos foram notificados e confirmados este ano em São Mateus. “Esses números só a Secretaria de Estrado da Saúde pode divulgar”, resumiu Folador.

LEVANTAMENTOS OFICIAIS

O aumento do número de casos de dengue em São Mateus foi um dos assuntos dominantes, em plenário, na sessão da Câmara, nesta terça-feira (11). De acordo com levantamento da SESA, levado à tribuna  pelo vereador Jozail do Bombeiro, de janeiro até agora, foram registrados 2.078 casos de dengue no município. De quatorze cidades da região, oito estão em estado de alerta.

Autor de indicações ao Chefe do Poder Executivo em 2018 para limpeza de terrenos baldios e para intensificar o carro fumacê, principalmente em Guriri, onde está a maior incidência, pela quantidade de imóveis fechados, o vereador afirmou que não foi atendido. “Nada disso foi feito, mas a gente não pode ficar de braços cruzados, o município tem que fazer a parte dele e a população tem que cumprir também o seu papel, combatendo todo dia os focos do mosquito transmissor da doença”, disse.

Para o vereador Carlos Alberto Gomes é preciso colocar mais carros fumacê em ação nos bairros. “A nossa preocupação é que veio a chuva de novo, aí o mosquito volta. Estamos com epidemia de dengue em São Mateus e só um carro fumacê não funciona, precisamos de dois ou três e a população também precisa fazer a parte dela”, lembrou o vereador. 

Ele alertou também sobre o perigo da dengue hemorrágica, estágio mais grave da doença, que ocorre quando a pessoa infectada com o vírus da dengue sofre alterações na coagulação sanguínea. Se a doença não for tratada com rapidez, pode levar à morte. “Um funcionário do meu filho pegou dengue hemorrágica, uma situação gravíssima, com sangramento, diminuição muito grande das plaquetas no sangue e a boca sangrando E este não é o primeiro caso.

AÇÕES INTEGRADAS

Uma das sugestões apresentadas é convidar o secretário municipal de saúde e o superintendente estadual para discutirem com os vereadores ações integradas para enfrentar o problema.

COMBATE

Segundo o líder do governo na Câmara, Francisco Amaro  a secretaria de saúde do município está atenta ao combate ao mosquito. “Estão fazendo mutirões e campanhas de conscientização. O carro fumacê parou porque faltou inseticida, que estava em falta em todo o Brasil, mas já voltou a atender a população”, explicou o vereador.

Quanto ao questionamento dos parlamentares em relação à falta de fiscalização dos terrenos baldios, responsáveis por boa parte dos focos do mosquito, que se reproduz facilmente em pneus e garrafas plásticas depositados nestes locais, Francisco Amaro responsabilizou os proprietários pelo descuido. “A prefeitura tem fiscalizado, notificando o dono que não faz a limpeza. Mas aí o proprietário não paga a multa e o débito vai para a dívida ativa. A gente tem essa dificuldade”, admitiu.

PREVENÇÃO

A melhor forma de evitar a dengue é acabar com os criadouros.

O Aedes aegypti é um mosquito doméstico. Ele vive dentro de casa e perto do homem. Com hábitos diurnos, o inseto se alimenta de sangue humano, sobretudo ao amanhecer e ao entardecer. A reprodução acontece em água limpa e parada, a partir da postura de ovos pelas fêmeas.

O mosquito da dengue também transmite chikungunya e o vírus zika.

Mobilize sua família e elimine a água parada. 

 

Leia mais:  Marinha alerta para ressaca com ondas de até 2,5 metros de altura no litoral do ES

Comentários do Facebook
publicidade

São Mateus

Carro é flagrado a 187 km/h na BR-101 em São Mateus

Publicado

em

De acordo com a Polícia Rodoviária Federal (PRF), o excesso de velocidade é a 2ª maior causa de morte nas rodovias federais que cortam o Estado.

Um carro foi flagrado a 187 km/h, na BR-101, em São Mateus, no Norte do Espírito Santo, na manhã desta segunda-feira (15). No mesmo trecho, um outro veículo trafegava a 170 km/h. Os flagrantes foram feitos por um radar móvel da Polícia Rodoviária Federal (PRF). Esses motoristas receberão as multas em casa.

Estatísticas apontam que o excesso de velocidade é a segunda maior causa de mortes nas rodovias federais que cortam o Estado.

Carro foi flagrado a 187 km/h em São Mateus — Foto: Reprodução/ TV Gazeta

Segundo o inspetor da PRF, Eduardo Costa Negro, o flagrante de 187 km/h representa a maior velocidade verificada no local em 2019. O dado é preocupante, já que de janeiro a maio deste ano, nove pessoas morreram e 67 ficaram feridas em acidentes causados pela pressa.

“Esse tipo de infração, apesar de a gente lamentar, tem acontecido com regularidade. A Polícia Rodoviária Federal está atenta e equipada para punir esse tipo de condutor que não respeita a sinalização e coloca em risco a sinalização de todo mundo que está na via”, disse o inspetor.

O inspetor explica que o motorista flagrado acima da velocidade permitida é multado e pode ter a carteira de habilitação suspensa.

“A infração é gravíssima, enseja a suspensão automática do direito de dirigir desse condutor, uma multa de aproximadamente R$ 900 e sete pontos na carteira”, disse.

Registros

Segundo o Departamento Estadual de Trânsito (Detran-ES), no primeiro semestre deste ano, foram registradas mais de 99 mil autuações por excesso de velocidade no Espírito Santo, uma média de 23 multas por hora.

“As perdas para a sociedade, com um todo, são de inúmeras naturezas. Temos problemas previdenciários, de pessoas afastadas do trabalho;, trabalhistas; problemas no custo para se reparar veículos; a via; e, eventualmente, problemas relacionado a perder um ente querido numa situação dessa”, disse Costa Negro.


(*G1 e PRF)

Comentários do Facebook
Leia mais:  Com risco de novo rompimento, buscas são interrompidas em Brumadinho; assista
Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie
Nacional10 minutos atrás

Homem mata mulher após briga por causa de barulho de sanfona

O caso ocorreu em Lavras, no sul de Minas Gerais. A vítima foi morta a facadas e golpes de madeira...

Nacional17 minutos atrás

Influencer morre ao cair do 9° andar um dia após se casar sozinha

Reprodução A influenciadora digital e youtuber Alinne Araújo, 24 anos, morreu nesta segunda-feira (15) ao cair do nono andar do...

Variedades26 minutos atrás

Propaganda de açougue com foto de mulher causa polêmica em Portugal

Uma propaganda viralizou e causou indignação nos portugueses Nesta segunda-feira (15), uma foto de uma propaganda em um açougue de...

Polícia Federal30 minutos atrás

Operação Especialista combate grupo criminoso agia contra agências bancárias e estabelecimentos

Natal/RN – A Polícia Federal deflagrou nesta terça-feira (16/7) a Operação Especialista, para desarticular grupo criminoso que praticou crimes de...

Polícia Federal30 minutos atrás

PF combate o tráfico internacional de opioide

Florianópolis/SC – A Polícia Federal, em cooperação com a agência norte americana de combate a drogas (DEA), deflagrou nesta terça-feira...

São Mateus34 minutos atrás

Carro é flagrado a 187 km/h na BR-101 em São Mateus

De acordo com a Polícia Rodoviária Federal (PRF), o excesso de velocidade é a 2ª maior causa de morte nas...

Economia1 hora atrás

Vale assina acordo para indenizar famílias de funcionários mortos em Brumadinho

arrow-options Agência O Globo Acordo garantirá R$ 700 mil para cada família que perdeu um ente na tragédia em Brumadinho...

São Mateus

Regional

Estadual

Nacional

Policial

Mais Lidas da Semana