conecte-se conosco


Agricultura

Crédito agropecuário será, no mínimo, o valor do ano passado

Publicado

em

A ministra da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, Tereza Cristina, em reunião com representantes da diretoria da Contag, adiantou que o valor a ser destinado ao financiamento agropecuário na safra 2019/2020 será, no mínimo, o mesmo do ano passado. Nas negociações que tem feito com a equipe econômica do governo, o montante da safra de 2018/2019 é base para as conversas, afirmou.

Em junho do ano passado, foram anunciados R$ 194,37 bilhões para financiar e apoiar a comercialização da produção agropecuária brasileira de médios e grandes produtores e R$ 31 bilhões para a agricultura familiar. “É o mínimo, não pode diminuir disso. Queremos aumentar, mas vamos partir dessa base”. Disse ainda que “a ideia do governo é privilegiar o pequeno e o médio produtor”.

Tereza Cristina reafirmou sua disposição para o diálogo. Observou que está aberta a sugestões para priorizar a destinação dos recursos disponíveis. “Vamos ter que priorizar e centralizar algumas linhas que sejam as mais importantes, as que a gente vai dar conta. Faz de conta não é bom para ninguém, não é o meu estilo. Então vamos trabalhar, se há 19 ações e com o orçamento dá para fazer dez, vamos discutir o que que é mais importante para o segmento”.

Titulação

A ministra garantiu que a entrega dos títulos de propriedade a assentados da reforma agrária é prioridade zero de sua gestão, além do georreferenciamento dessas áreas. A afirmação foi nesta segunda-feira (11). “Quem já pode ter títulos vai ter. Acabei de falar isso na Casa Civil. Nós temos que ver como é que nós vamos arrumar recurso para fazer o georreferenciamento e ter o registro. Isso porque muitas vezes você faz o georreferenciamento e, muitas vezes, as pessoas não têm como registrar a propriedade”, explicou.

Leia mais:  ARROZ/CEPEA: Chuva prejudica acesso à lavoura, produtor recua e sustenta valores

Mais informações à imprensa:Coordenação-geral de Comunicação Social
[email protected]

Fonte: MAPA
Comentários do Facebook
publicidade

Agricultura

Feira da Agricultura Familiar leva otimismo para produtores

Publicado

em

Considerada pelos produtores como a colheita do ano, a 21ª Feira da Agricultura Familiar na Expointer, que começou neste sábado (24) e segue até 1º de setembro, traz otimismo e empolgação aos expositores do evento. Esse entusiasmo é justificado: durante os próximos dias, eles terão a chance de comercializar produtos e ter acesso a novos mercados no maior evento de promoção comercial apoiado pela Secretaria de Agricultura Familiar e Cooperativismo, do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento.

É em busca dessa oportunidade que Luiz Zanchetta, de 65 anos, e a mulher Doraci Zanchetta, 64, expõem pela primeira vez o mel que produzem em Veranópolis, cidade a 160 km de Porto Alegre (RS). “Esperamos o melhor. Todo mundo sabe que essa feira é uma vitrine. Qualquer resultado que conseguirmos aqui vai ser bom. Poder divulgar e tornar nosso mel conhecido já é ótimo”, afirma o produtor.

Embora o “mel da longevidade” seja produzido desde 2009, só neste ano eles conseguiram legalizá-lo e apresentá-lo em feiras de todo o Rio Grande do Sul. Segundo Doraci, a presença nessas exposições é sempre vantajosa. “Em 2019, já participamos de oitos feiras e em todas tivemos um ótimo retorno. Aqui não vai ser diferente”, diz. 

Veterano na Feira da Agricultura Familiar na Expointer, Flávio Antônio Franz, 64, compartilha da mesma opinião do casal. Pela terceira vez no pavilhão, ele reconhece que o momento é o ideal para fortalecer e valorizar os chips de aipim e batata doce produzidos em Santa Clara do Sul (RS). “A divulgação nessa feira é muito grande. Para alguns, é como se fosse a colheita do ano. Eu e minha esposa fazemos questão de vir, pois nossa agroindústria é pequena e aqui podemos dar um grande passo para fortalecer nosso negócio”, comenta.

Leia mais:  ARROZ/CEPEA: Com orizicultor retraído, liquidez diminui e preço sobe

Selo

Flávio foi o primeiro produtor a solicitar o Selo Nacional da Agricultura Familiar (Senaf) no estande do Mapa preparado para atender os feirantes que estão no Pavilhão da Agricultura Familiar. Ele afirma que se interessou em obter o selo para “reconhecer e valorizar o que produzimos”.

Até o dia 1º de setembro, funcionários do ministério estarão na feira para fazer o cadastramento dos interessados em obter o selo. Para solicitá-lo, basta informar o número do CNPJ, no caso de DAP Jurídica, ou CPF, para DAP Familiar. Em seguida, será preenchido um formulário com todas as informações sobre o empreendimento e os produtos nos quais o agricultor pretende aplicar o selo.

Artesanato

Além de produtos como queijos, linguiça, doces, sucos, cachaça, vinhos e geleias, a feira também oferece uma variedade de artesanatos que valorizam a cultura local. É o caso do estabelecimento da índia Knté, 56 anos, onde são vendidos produtos fabricados pelos indígenas da etnia Kaingang.

“A feira é boa para divulgarmos nossa cultura, através do nosso artesanato. Aqui também podemos reforçar que precisamos conviver em harmonia, sem discriminação”, diz Knté. 

Público

Quem visitar a 21ª Feira da Agricultura Familiar na Expointer poderá percorrer 316 espaços de comercialização. Os estandes estão divididos em estabelecimentos das agroindústrias do Rio Grande do Sul, Rio de Janeiro, Minas Gerais e Amapá.

Caroline Vian, 32, viajou cerca de 160 km, de Nova Bréscia (RS) até Esteio (RS) para prestigiar a feira. “Esse é o segundo ano que venho. Gosto porque aqui encontro produtos variados e inspiração para ter a minha própria agroindústria”, diz.

Na próxima quinta-feira (29), a ministra Tereza Cristina e o secretário de Agricultura Familiar e Cooperativismo, Fernando Schwanke, estarão no Pavilhão. Neste dia, serão entregues Selos da Agricultura familiar a agricultores e assinados os primeiros contratos para a construção e reformas de casa entre o Banco do Brasil e beneficiários do Programa Nacional de Fortalecimento da Agricultura Familiar (Pronaf).

Leia mais:  Brasil inicia operação conjunta para erradicar aftosa na Venezuela

Serviço:

21ª Feira da Agricultura Familiar na Expointer

Data: 24 de agosto a 1º de setembro de 2019

Horário: 8h às 20h

Local: Parque de Exposição Assis Brasil – Esteio (RS)

Informações à imprensa:
Coordenação-geral de Comunicação Social
Washington Luiz
[email protected]

Fonte: MAPA
Comentários do Facebook
Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie
Saúde34 minutos atrás

Bebe muito café? É por isso que você pode estar com tanta dor de cabeça

Você já deve ter lido as notícias contraditórias sobre estudos relacionados ao café . Contudo, agora, mais uma pesquisa foi...

Entretenimento2 horas atrás

“Estou em estado de choque”, diz Marisa Orth no velório de Fernanda Young

arrow-options Divulgação Fernanda Young, Rita Lee e Marisa Orth no programa “Saia Justa” Atriz que trabalhou com Fernanda Young em diversas séries...

Nacional2 horas atrás

Humorista é expulso de ato pró-Bolsonaro no Rio de Janeiro

arrow-options Reprodução/Twitter Marcelo Madureira é escoltado pela Polícia Militar O humorista Marcelo Madureira foi expulso de um ato a favor...

Tecnologia3 horas atrás

Está difícil focar no estudo ou no trabalho? Recurso do Android pode ajudar

O recurso ‘Bem-estar Digital’ ganhou muita atenção desde que foi implementado no Android Pie . Durante o I/O 2019, o...

Mulher3 horas atrás

Como fazer um sexo oral inesquecível – tanto para você, quanto para ele

Confissão: eu amo fazer um bom sexo oral em meu parceiro. Sei que algumas mulheres odeiam fazer e eu entendo....

Mulher3 horas atrás

Casal posta foto com anel, mas detalhe sobre noivo incomoda internautas

Um detalhe bastante particular nessa foto de anúncio de noivado está chamando atenção dos internautas. Para a maior parte deles,...

Mulher3 horas atrás

Sombra tie-dye é a moda do momento no Instagram; veja ideias para se inspirar

Depois que Kylie Jenner causou um “frisson” nas redes sociais com as  unhas tie-dye  , a tendência não para de...

São Mateus

Regional

Estadual

Nacional

Policial

Mais Lidas da Semana