conecte-se conosco



Nacional

Covid-19: Na Bahia, aglomerações ilegais são interrompidas por PMs

Publicado

em


source
policiais militares entram em portões
TV Bahia / Reprodução

Entre as festas interrompidas pela Polícia está a Pandemia Fest, que reuniu 39 pessoas em casa alugada


A Polícia Militar (PM) da Bahia recebeu denúncias de aglomerações que aconteciam na região metropolitana do estado. Na noite de ontem, 2, e madrugada de hoje, 3, a PM acabou com duas festas e três cerimônias religiosas. Reuniões estão proibidas devido à Covid-19 , doença transmitida pelo novo coronavírus .

As ocorrências se distribuem entre Salvador e o município Lauro de Freitas. Centenas de pessoas foram pegas em flagrante. Apenas duas portavam drogas.

Leia também: Covid-19: Região Norte é a que tem mais casos confirmados por milhão de pessoas

O estado adotou medidas de restrição devido ao avanço da pandemia na região. Segundo último levantamento da Secretaria da Saúde do Estado da Bahia, são 21.430 casos e 736 vítimas fatais.

A partir desta quarta-feira, foram determinadas novas medidas para intensificar as restrições. Entre elas, está o fechamento de serviços considerados não essenciais, toques de recolher entre 18h e 5h e interrupção do transporte intermunicipal.

Reuniões que contam com mais de 50 pessoas estão proibidas. Além disso, as aulas presenciais foram paralisadas e devem retomar apenas no dia 21 de junho.

Leia também: “Conseguimos barrar o crescimento dos casos”, comemora governador da Bahia

Festas

A Pandemia Fest, que aconteceu em Lauro de Freitas, reuniu 39 pessoas, sendo 22 homes e 17 mulheres. Nenhuma delas foram detidas. A casa onde o evento deu lugar é alugada, e o dono do imóvel vai receber notificação da prefeitura.

Uma denúncia anônima foi feita pelo 156 e foram direcionados o local equipe composta por agentes da prefeitura e policiais militares. As reclamações incluíam grande volume de uso de bebidas alcoólicas e som alto. O grupo se mostrou de acordo com a interrupção da festa e deixou o local.

Enquanto isso, no bairro de Águas Claras, acontecia uma festa cujos 30 convidados estavam sob uso de álcool e entorpecentes. O som também estava alto. Após a denúncia, PMs da 3ª Companhia Independente foram ao local para interromper a festa, que acontecia no setor 1 do loteamento Condor.

Leia também: Covid-19: no Rio, câmeras vão monitorar distanciamento entre as pessoas

Lá, os PMs identificaram a presença de figuras do tráfico de drogas. Duas pessoas, sendo um menor de idade, foram apreendidos. Eles portavam quantidades excessivas de entorpecentes, o que caracteriza tráfico. Foram levados também 22 pinos de cocaína e quatro trouxas de maconha.

Culto religioso

A força-tarefa da 17ª Companhia Independente da Polícia Militar Uruguai flagrou uma aglomeração na região Baixa do Petróleo, no bairro de Massaranduba, na capital. Tratava-se de uma cerimônia religiosa que reunia dezenas de pessoas.

A Igreja Evangélica Batista da Península era a responsável pela organização do culto. Segundo a PM, a atividade terminou de forma pacífica e fiéis não foram conduzidos a prefeitura.

Comentários do Facebook

Nacional

Justiça determina quebra de sigilo bancário da Backer

Publicado

em


source
backer
Divulgação

A cervejaria Backer, muito conhecida em Minas Gerais, ganhou notoriedade nacional após consumidores da cerveja serem intoxicados e hospitalizados


A Justiça determinou a quebra de sigilo bancário da cervejaria Backer referente aos últimos 12 meses. A decisão partiu da 23ª Vara Cível de Belo Horizonte atendendo um pedido do Ministério Público do Estado de Minas Gerais (MPMG). Para o MPMG, os sócios da Backer podem estar ocultando patrimônio , fazendo a transferência de propriedade, uma vez que existe uma ação judicial contra eles.


Para o Ministério Público, a alienação de imóveis indicava não só conduta em desacordo com a boa-fé objetiva material e processual, mas também poderia permitir “o reconhecimento da fraude e do cometimento de ato atentatório à dignidade da justiça, máxime, quando se trata de tutela coletiva”.

A cervejaria Backer, muito conhecida em Minas Gerais, ganhou notoriedade nacional após consumidores da cerveja serem intoxicados e hospitalizados, no início do ano. A substância tóxica encontrada na cerveja matou ao menos sete pessoas e levou dezenas de outros consumidores ao hospital.

Segundo investigações da Polícia Civil, vazamentos em equipamentos e o uso de substâncias tóxicas que não deveriam ser empregadas causaram a contaminação de diversos lotes de diferentes tipos de cerveja produzidos pela empresa.

Caixas em terreno baldio

Na última sexta-feira (10), a Polícia Civil de Minas Gerais encontrou 34 caixas de cervejas da Backer, do lote contaminado , em um terreno baldio no bairro Buritis, em Belo Horizonte. A polícia chegou ao local após uma denúncia. O material foi recolhido e os fatos estão sendo apurados pela polícia.

“O delegado Flávio Grossi ressaltou que esse tipo de descarte pode provocar riscos à saúde pública se o produto for consumido, uma vez que o material encontrado está entre os lotes de cerveja onde o dietilenoglicol foi identificado”, informou a polícia, em nota.

Comentários do Facebook
Continue lendo
Estadual30 minutos atrás

Funcionário é amarrado durante assalto e criminosos levam cofre com R$ 200 mil

A vítima contou que eram três bandidos. Eles teriam pulado um muro. Na tentativa de não serem flagrados, o trio...

Mulher35 minutos atrás

Atriz conta que foi estuprada por diretor: ‘Me enganou, me drogou e me estuprou’

  Atriz com passagens pela “Malhação” da Globo e pela Record, Juliana Lohmann carregou nos últimos 12 anos um trauma...

Nacional35 minutos atrás

Justiça determina quebra de sigilo bancário da Backer

Divulgação A cervejaria Backer, muito conhecida em Minas Gerais, ganhou notoriedade nacional após consumidores da cerveja serem intoxicados e hospitalizados...

Economia35 minutos atrás

Milionários pedem que governos aumentem seus impostos diante da pandemia

iStock Milionários dizem que aumentar taxa de impostos é “a única escolha” Em meio à crise da pandemia do novo...

Entretenimento37 minutos atrás

Gabi Martins faz ensaio sensual usando calcinha fio dental: “Que popotão”

Na tarde deste domingo (12), Gabi Martins compartilhou o resultado de um ensaio sensual que fez na laje e deixou os seguidores...

Nacional1 hora atrás

Celular explode e mãe encontra menina de 5 anos “em chamas”

Ao chegar no cômodo, Liliane Cristina Rodrigues Pissaia, 37, viu a filha em chamas. “Parecia barulho de tiro”, disse Uma...

Entretenimento1 hora atrás

Rafa Kalimann posa completamente nua no Instagram: “Meu irmão não gostou”

Nas fotos publicadas no Instagram, a ex-BBB20 surge com um chapéu bem grande e usa os cabelos para tampar os...

São Mateus

Regional

Estadual

Nacional

Policial

ENTRETENIMENTO

POLÍTICA

Esportes

Mais Lidas da Semana

error: O conteúdo está protegido !!