conecte-se conosco


Esportes

Corinthians defende torcedores em pé e bandeirões em carta à Conmebol

Publicado

em


Torcedores do Corinthians fazem festa em Itaquera
Bruno Teixeira Rolo/Corinthians
Torcedores do Corinthians fazem festa em Itaquera

O Corinthians divulgou nesta sexta-feira (11) uma carta em repúdio às mudanças no Regulamento de Segurança da Conmebol, que proíbe, entre outras coisas, bandeirões com mais de 1,5m de comprimento e 1m de largura nos estádios.

Leia também: Arena Corinthians terá partes do gramado em preto e branco para temporada 2019

“O Time do Povo não pode aceitar o ônus imposto pelas medidas aos reais donos do espetáculo, os torcedores, que frequentemente pagam caro para ir a estádios desconfortáveis, com serviços de péssima qualidade, por imposição de burocratas do futebol latino-americano, que agem como se o fã fosse um estorvo e não a razão de ser do espetáculo”, diz um trecho do texto publicado pelo Corinthians.

O regulamento do ano passado já previa algumas restrições aos torcedores, porém menos do que as publicadas nesse ano. Em 2018 foram 18 proibições, e agora serão 21.

Outro ponto polêmico do Regulamento de Segurança da Conmebol é a venda de ingressos online. A entidade quer que os torcedores adquiram suas entradas apenas por meio digital e com lugares marcados.

Leia também: Corinthians anuncia Emerson Sheik e Vilson como novos gerentes de futebol

Confira a carta na íntegra

O Sport Club Corinthians Paulista manifesta seu descontentamento com as recentes resoluções publicadas pela Conmebol para a Copa Sul-Americana e a Libertadores.

O Regulamento de Segurança para Competições de Clubes 2019, publicado oficialmente pela Confederação Sul-Americana de Futebol (Conmebol), no Art. 25, proíbe, dentre inúmeros outros itens, a entrada de bandeiras e bandeirões com mais de 1,5m de comprimento e 1m de largura.

Com o novo regulamento, o número de itens proibidos nos locais dos jogos aumentou de 18 para 21 em 2019. A nova regra também prevê, no Art. 21, que, a partir de 2021, todos os ingressos sejam vendidos na internet e os lugares sejam marcados e com assentos.

O Time do Povo não pode aceitar o ônus imposto pelas medidas aos reais donos do espetáculo, os torcedores, que frequentemente pagam caro para ir a estádios desconfortáveis, com serviços de péssima qualidade, por imposição de burocratas do futebol latino-americano, que agem como se o fã fosse um estorvo e não a razão de ser do espetáculo.

Em vez de penalizar a torcida com o fim das bandeiras e dos bandeirões e dos lugares populares onde costumeiramente os torcedores, em pé, entoam seus cânticos empurrando sua equipe, que fosse feito um estudo pela Entidade sobre as melhores práticas no desenvolvimento dos espetáculos esportivos.

Bom exemplo acontecerá em breve na final do Super Bowl, em Atlanta, quando a gestora da arena hospedeira, nossa parceira IBM, estará mostrando como é colocar à serviço do torcedor todo o aparato de um estádio moderno.

Aviltam a experiência do espectador no estádio, mas nada fazem para melhorar a capacitação da arbitragem ou enriquecer a emoção do fã fiel. Sempre com a complacência da CBF na Conmebol, cujo silêncio perante os desacertos faz dela cúmplice por omissão.

Fiéis à nossa origem, vestidos com o manto alvinegro, seguimos em frente, fazendo nosso trabalho, melhorando as condições do nosso espetáculo, desenvolvendo o negócio do esporte, implementando a boa governança em nosso Clube.

A Conmebol deve despertar para estes os novos tempos: o negócio do futebol vem mudando a uma velocidade alucinante, imposta pela força dos participantes nas redes sociais, que estarão se revelando cada vez mais implacáveis com aqueles que desprezam seus anseios.

Vivemos numa sociedade violenta, é inegável, mas repudiamos as soluções de prateleira, adotadas no Continente, que optam pelo caminho mais fácil de sacrificar os quem têm menos para beneficiar os quem têm mais.

Não vamos aceitar extinguir os locais populares de nossa Arena, nela queremos não só bandeiras e bandeirões, mas também instrumentos musicais e fogos festivos. Acreditamos que o diálogo deve trazer de volta os clássicos com duas torcidas, pois sabemos que, se tratarmos o torcedor como animal, geraremos um selvagem; respeitando-o como cidadão, teremos um torcedor apaixonado.

Leia também: Conmebol revela gafe no troféu da Libertadores ao anunciar o River campeão

Leia mais:  Diego Aguirre elogia Rodrigo Caio após partida improvisado na lateral-direita

Andrés Navarro Sanchez

Presidente do Sport Club Corinthians Paulista

Comentários do Facebook
publicidade

Esportes

Victor Luis, do Palmeiras, pede ajuda para encontrar o seu avô, que desapareceu

Publicado

em

Victor Luis com seu avô
Instagram
Victor Luis, do Palmeiras, pede ajuda para encontrar o seu avô, que desapareceu em SP

O lateral-esquerdo Victor Luis, do Palmeiras , usou suas redes sociais pedindo ajuda para encontrar o seu avô, Anízio Ferreira Telez, que sumiu na noite da última terça-feira na cidade de São Paulo.

Leia também: Iraniano sósia de Messi se passa pelo astro para se relacionar com 23 mulheres

Nesta quarta-feira,  Victor Luis fez nova publicação no Instagram e informou que seu avô continuava desparecido. Ele sumiu na zona norte da capital paulista.

“Bom pessoal, estou aqui para pedir ajuda para todos vocês! Meu avô saiu hoje na parte da manhã de casa e até agora não voltou! Nome dele é ANÍZIO FERREIRA TELEZ. Ele foi visto pela última vez perto da Avenida Imirim, Engenheiro Caetano Álvares! Por favor, quem tiver alguma informação entre em contato! Quem puder compartilhar, serei eternamente agradecido! Que Deus abençoe a todos! E muito obrigado desde já”, disse o atleta.

Também nas redes sociais, o Palmeiras divulgou o caso na tentativa de ajudar Victor Luis , seu atleta. 

Leia mais:  Drogba explica o motivo de não ter aceitado proposta do Corinthians em 2017


Fonte: IG Esportes
Comentários do Facebook
Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie
Nacional15 minutos atrás

Pedido de indenização de Dilma é adiado na Comissão de Anistia

Divulgação/PT Dilma Rousseff foi presa e torturada durante a ditadura militar A Comissão de Anistia adiou a análise do pedido...

Nacional15 minutos atrás

‘Corrompido por dinheiro’, diz Mourão de militar preso com droga em avião da FAB

Adnilton Farias/VPR Mourão disse que o militar detido em Sevilha não estava na comitiva oficial do presidente, mas no avião...

Nacional15 minutos atrás

Justiça autoriza senador preso por corrupção a passar férias no Caribe

Pedro França/Agência Senado – 2.2.19 Preso em regime aberto, senador Acir Gurgacz vai passar férias no Caribe A Justiça do...

Economia16 minutos atrás

CPI ouve Joaquim Levy sobre caixa-preta do BNDES nos governos do PT

Antonio Cruz/Agência Brasil CPI ouve Joaquim Levy nesta quarta-feira sobre caixa-preta do BNDES nos governos petistas A Comissão Parlamentar de...

Economia16 minutos atrás

Caixa levanta R$ 7,3 bilhões com venda de ações da Petrobras

Valter Campanato/Agência Brasil – 7.1.19 Decisão de se desfazer de papéis da Petrobras reflete a estratégia da Caixa de reduzir...

Economia16 minutos atrás

Comissão especial busca encerrar debates sobre Previdência hoje; assista ao vivo

Pablo Valadares/Câmara dos Deputados – 26.06.19 Comissão especial busca encerrar debates sobre a reforma da Previdência ainda hoje; é a...

Nacional16 minutos atrás

Altas temperaturas deixam cidades da Europa em alerta vermelho

Pixabay Temperaturas devem atingir a marca dos 40° nos próximos dias em algumas cidades da Europa As altas temperaturas esperadas...

São Mateus

Regional

Estadual

Nacional

Policial

Mais Lidas da Semana