conecte-se conosco


Direto de Brasília

‘Confio no Flávio’, diz Onyx Lorenzoni sobre quebra de sigilo do senador

Publicado

em


Onyx Lorenzoni
Alan Santos/PR – 30.4.19
‘Confio no Flávio’, diz Onyx Lorenzoni sobre quebra de sigilo do senador filho do presidente

O ministro-chefe da Casa Civil, Onyx Lorenzoni (DEM), disse nesta quinta-feira (16) que a  quebra dos sigilos bancário e fiscal
de pessoas ligadas ao antigo gabinete do senador Flávio Bolsonaro
(PSL-RJ) na Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro (Alerj) não é um assunto que repercute no governo Bolsonaro.

“Particularmente eu confio no Flávio. E esse não é um assunto do governo. Não é um assunto de governo”, disse Onyx Lorenzoni
, que participou nesta tarde do 91°Encontro Nacional da Indústria de Construção, na Barra da Tijuca, na Zona Oeste do Rio de Janeiro.

Ele também atenuou os impactos das manifestações ocorridas nesta quarta-feira (15) em mais de 200 cidades do Brasil contra o corte promovido pelo governo federal nas verbas da Educação
. Segundo ele, os protestos foram orquestrados por opositores políticos do governo Bolsonaro
.

“Eu não achei grande (a manifestação). Achei importante, mas não achei grande. Grande foi dois milhões e meio (de pessoas) no dia 13 de março de 2016 na Avenida Paulista”, ponderou.

O ministro creditou os problemas da educação a governos anteriores e prometeu “tirar a ideologia de dentro da educação brasileira”. “Numa democracia, as manifestações são normais. O PT e a CUT aparelharam as universidades brasileiras nos últimos 30 anos. As distorções que as universidades brasileiras têm hoje são fruto disso, então esperávamos que fosse assim”, disse.

“A gente recebe e recolhe (as demandas). Vamos continuar trabalhando para modificar a educação no Brasil. Temos um trabalho hercúleo que é tirar a ideologia de dentro da educação brasileira, ajudar a preparar melhor os professores e poder replicar no Brasil experiências extraordinárias de escolas públicas do Piauí, Ceará e de outros estados que têm padrão europeu. O foco tem que ser em educação básica. Nós temos no século 21 no Brasil em 2019 a mesma taxa de analfabetos que o Canadá tinha na década de 1950 e temos 30% de analfabetos”, continuou.

Leia mais:  Bolsonaro: “Nesse jantar tem US$ 23 trilhões. O Brasil precisa só de 10%”

Durante o evento, Lorenzoni também prometeu manter e ampliar programas habitacionais implantados em governos passados. “O programa habitacional vai ser mantido. Temos duas grandes prioridades: as obras de infraestrutura e a manutenção e ampliação de programas de habitação popular”, afirmou.

“Nós temos uma média anual de 400 mil habitações entregues que nós vamos manter este ano. O ministro Canuto prepara junto com o ministério da economia uma reestruturação do Minha Casa, Minha Vida exatamente para permitir que no ano que vem a gente, em vez de 400 mil, quem sabe construa 500 mil casas no Brasil. É uma meta”, acrescentou.

Segundo ele, a Casa Civil
prepara um pente fino em obras de rodovias e ferrovias espalhadas pelo país. A medida é anunciada desde a época da transição.

“Estamos trabalhando com a Caixa para solucionar isso, porque às vezes as prefeituras não têm contrapartida. Estamos fazendo um pente fino para retomada de mais de 500 obras no Brasil”, revelou.

Sobre a reforma da Previdência, Lorenzoni disse que a pasta vem trabalhando em campanhas de esclarecimento para a população. “Estamos ampliando as campanhas de esclarecimento, há muita desinformação”, disse.

Mais de uma vez, Lorenzoni aproveitou a sua fala para criticar os governos do PT
a uma plateia composta por cerca de 500 pessoas, a maioria representantes de empresas de construção e de associações e federações que reúnem a categoria.

Onyx Lorenzoni
se esquivou de perguntas e não quis comentar o descontentamento da base aliada do governo no Congresso com a articulação política feita pelo Planalto. Ele concedeu entrevista coletiva por cerca de cinco minutos e saiu sem responder mais perguntas dos jornalistas.

Fonte: IG Política
Comentários do Facebook
publicidade

Direto de Brasília

CET interdita avenida e metrô anima estação com festa junina, nesta quinta

Publicado

em

festa junina
Divulgação/Metrô SP
Estação da República realiza festa junina para divertir aos passageiros

As temperaturas continuam amenas nesta quinta-feira (27), em São Paulo. De acordo com o Centro de Gerenciamento de Emergências Climáticas (CGE), o dia começa com muitas nuvens, chuva leve em pontos isolados e chuviscos. Ao longo do dia, o céu nublado predomina e os termômetros oscilam entre os 16°C e os 23°C.

Leia também: Com uso da cadeirinha, mortes de crianças em acidentes de trânsito caem

O rodízio na cidade de   São Paulo  vale hoje para veículos com placa de final 7 e 8 das 7h às 10h da manhã e das 17h às 20h da noite. Nesses períodos, fica proibida a circulação desses veículos na região do centro expandido, no perímetro entre as marginais Pinheiros e Tietê, a Avenida Luís Ignácio de Anhaia Mello e a Avenida Salim Farah Maluf.

A Companhia de Engenharia de Tráfego ( CET ) vai interditar a pista expressa da Avenida Alcântara Machado (Radial Leste), no sentido centro, sob o viaduto Bresser, entre às 22h de hoje e às 4h de sexta-feira (28), para serviços de manutenção e vistoria técnica realizados pela Secretaria de Infraestrutura Urbana.

Leia também: Casos de estupro crescem em São Paulo; homicídios e latrocínios caem

A CPTM e o Metrô não preveem nenhuma alteração na programação dos trens, nesta quinta. Porém, quem passar pela Estação República, da linha 3-Vermelha, terá a oportunidade de participar de uma festa junina organizada pelo Metrô de  São Paulo , entre às 16h e às 20h. A estação oferecerá brincadeiras e apresentações musicais para divertir os passageiros. A festa estará acontecendo na estação até o dia 28 de junho. 

Fonte: IG Política
Comentários do Facebook
Leia mais:  Escritora diz que foi estuprada por Donald Trump há 20 anos dentro de loja de NY
Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie
Nacional53 minutos atrás

Alexandre de Moraes revoga autorização que senador preso passe férias no Caribe

Rosinei Coutinho/SCO/STF Ministro pediu que CNJ analise conduta do procurador e do juiz que atuaram no caso O Supremo Tribunal...

Nacional53 minutos atrás

Projeto que dificulta aborto é criticado e Fernando Holiday já admite mudanças

Fábio Rodrigues Pozzebom/ABr Projeto de Fernando Holiday coloca obstáculos para a realização do aborto legal em São Paulo O vereador...

Nacional53 minutos atrás

Céu nublado predomina ao longo do dia nesta quinta, em São Paulo

shutterstock Previsão do tempo para São Paulo indica tempo nublado ao longo do dia As temperaturas continuam amenas nesta quinta (27),...

Entretenimento53 minutos atrás

Determinado a dar o golpe, Régis pede Maria em casamento em “A Dona do Pedaço”

Régis (Reinaldo Gianecchini) está cada vez mais perto de alcançar o objetivo de seu golpe em “A Dona do Pedaço”....

Entretenimento53 minutos atrás

Além de Paulinho Vilhena, relembre famosos que foram censurados pelo Instagram

Em tempos sombrios do Instagram, Paulinho Vilhena decidiu desafiar a rede social ao publicar um vídeo totalmente nu. Transmitindo um...

Esportes54 minutos atrás

Estrelas da Copa América podem reforçar clubes brasileiros; veja lista

A Copa América chega ao seu fim no próximo dia 07 de julho, mas alguns jogadores podem esticar sua permanência...

Mulher54 minutos atrás

Horóscopo do dia: previsões para 27 de junho de 2019

Terapeuta Integrativa, Masumi Suguinoshita usa a astrologia e a meditação como ferramentas principais de trabalho e traz ao Delas as...

São Mateus

Regional

Estadual

Nacional

Policial

Mais Lidas da Semana