conecte-se conosco


Saúde

Comissão do Senado aprova fim de carência de planos de saúde para emergências

Publicado

em


hospital público
Marcello Casal Jr/Agência Brasil
Planos de saúde não podem pedir carência em caso de emergências, decide comissão do Senado


A Comissão de Assuntos Sociais (CAS) do Senado aprovou, nesta quarta-feira (15), projeto que altera a Lei dos Planos de Saúde e isenta o beneficiário do cumprimento de períodos de carência em casos de urgência e emergência. O texto segue para a análise da Câmara dos Deputados. 

Leia também: Ministério da Saúde lança edital para Programa Mais Médicos

O projeto da senadora Rose de Freitas (Podemos-ES) acrescenta, logo depois dos trechos que tratam do período de carência permitido aos planos de saúde
que “o consumidor ou beneficiário, titular ou dependente, fica isento do cumprimento de períodos de carência nos casos de urgência e emergência”.

“Análises sobre o estabelecimento de prazos de carências
evidenciam que elas nasceram para proteger as operadoras contra abusos e fraudes por parte do consumidor. No entanto, a aplicação desse mecanismo não pode inviabilizar o atendimento de saúde em circunstâncias excepcionais e imprevisíveis, que exijam solução imediata”, diz a senadora, na justificativa do projeto.

Leia também: Veja os oito principais cuidados na contratação do seu cartão de saúde

Ela destaca que, no caso das urgências e emergências
, “se não forem tratadas a tempo, podem acabar por tornar inócua a finalidade primordial do contrato celebrado entre as partes, qual seja, a de resguardar a saúde e a vida”.

A proposta também também reduz para 120 dias o período de carência nas internações hospitalares. Hoje, os prazos máximos de carências são de 24 horas, para atendimentos de urgência e emergência; 300 dias, para parto; e 180 dias, para cirurgias.

O projeto que discute planos de saúde
tramitou de forma terminativa na CAS, o que significa que ele segue para a Câmara, sem a necessidade de análise do plenário.

Leia mais:  Rio de Janeiro confirma 14 casos de sarampo; saiba como se proteger da doença

Fonte: IG Saúde
Comentários do Facebook
publicidade

Saúde

É normal ficar suada na região da vagina? Especialista responde

Publicado

em

Women's Health

Você se lembra quando começou a suar na virilha? Talvez você tenha treinado demais ou passado um longo dia caminhando no calor. Então, quando chegou ao banheiro e olhou no espelho, notou sua roupa íntima suada.

Leia também: Suar em excesso pode ser sinal de hiperidrose; saiba como controlar a condição

mulher arrow-options
shutterstock
vagina

Quer dizer, todo mundo sabe que as pessoas transpiram nas axilas, testa e, às vezes, costas ou mãos. Mas suar ao lado da vagina ?! Isso não é algo legal, vamos ser honestas. Aqui está o que você precisa saber sobre esse tipo de transpiração.

Primeiro: suar na virilha é totalmente normal

Isso acontece com todo mundo. “Isso porque nós suamos sempre que há glândulas sudoríparas na região”, explica Chris Adigun, dermatologista na Carolina do Norte, Estados Unidos. E há glândulas sudoríparas em toda a sua vulva, que é a área externa ao redor da vagina.

Lembre-se: sua vagina é interna – é o que você sente quando coloca o dedo dentro do buraco na direção da parte inferior da vulva. “E não há glândulas sudoríparas lá em cima”, observa Adigun. Então, não é sua vagina que está suando , só para ficar mais claro.

No entanto, existem glândulas sudoríparas nas partes ao redor da vagina. Especificamente, onde existe pelos – nos grandes lábios (os grandes lábios externos), o mons pubis (a corcova acima da sua vagina) e a virilha (onde suas pernas encontram sua pélvis). “Sua virilha não é tão diferente da sua axila”, completa Adigun.

Assim como a axila, a virilha é uma junção entre um membro e seu tronco. É por isso que faz mais sentido chamar a transpiração lá em baixo de suor da virilha e não suor da vagina.

Leia mais:  Indiano que ignorou tumor gigante por 20 anos retira massa de 1,4 kg do pescoço

É possível ter muito suor na virilha?

“Na maioria das vezes, um pouco de suor na área de vulva não é nada para se preocupar”, diz o Adigun. Todos nós transpiramos e às vezes isso também acontece por lá. “Se você está suando durante o treino ou quando está realmente quente, isso não é incomum”, ela afirma.

Então, ao invés de se sentir estranha quando tiver uma mancha de suor na calça de yoga, considere levá-la como um sinal de um treino hardcore.

Naturalmente, algumas pessoas suam mais do que o que os médicos considerariam normal, e o excesso de suor na virilha pode interferir na sua vida cotidiana. Esse tipo de transpiração excessiva é chamado de hiperidrose.

Enquanto as pessoas que sofrem de hiperidrose suam mais do que as outras na cabeça, axilas, mãos e pés, de acordo com a American Academy of Dermatology, às vezes podem ter sudorese extra-intensa na zona genital.

Em um estudo, uma menina saudável de 17 anos foi ao médico porque frequentemente sofria com esse problema. Ela suava tanto que usava absorventes grossos todos os dias para tentar manter as calças secas.

Leia também: Quer treinar sem suar demais? É simples: escolha os exercícios corretos

Isso é certamente uma quantidade anormal de suor lá embaixo. Mas você não precisa fazer muito esforço para marcar uma consulta com seu dermatologista. “Como suor anormal em qualquer parte do corpo, se você está molhando a roupa quando não está calor, isso não é normal”, explica Adigun.

Vale a pena marcar uma consulta quando o suor estiver te deixando desconfortável ou inibindo sua vida de alguma forma. Adigun vê pacientes o tempo todo preocupados com o suor entre as pernas, porque eles se sentem constrangidos com manchas nas calças muitas vezes.

Leia mais:  Rio de Janeiro confirma 14 casos de sarampo; saiba como se proteger da doença

O que você pode fazer para não suar na virilha?

Há várias opções, segundo Adigun. Primeiro, ela sugere que as pessoas tentem antiperspirantes tópicos. Não são desodorantes típicos. Enquanto os desodorantes mascaram o odor do suor, os antitranspirantes ligam temporariamente as glândulas sudoríparas para que você sinta menos suor fisicamente.

Outra alternativa é fazer injeções de botox na região da virilha. Isso pode parecer assustador, mas geralmente é seguro e super eficaz. Enquanto a maioria de nós sabe sobre o botox por sua capacidade de suavizar rugas, a injeção também é usada para parar transpiração excessiva.

Ele suprime suas glândulas sudoríparas para que não suem tanto, e dura muito tempo. Normalmente, você terá que refazer as aplicações duas vezes por ano, ou seja, seis meses inteiros de supressão do suor.Existem algumas outras correções temporárias, especialmente se seu suor não é tão chato.

Leia também: Suar emagrece? E corrida, emagrece mais do que pedalada? Tire suas dúvidas

Se você não tem hiperidrose, mas ainda está um pouco irritada com essa transpiração, pode tentar absorver o suor com um produto em pó de talco (aplicado na pele da vulva, não na abertura da vagina ). Mas lembre-se que você não vai parar de suar – apenas absorverá a umidade. Mas isso pode ajudar se, em um dia quente, você se preocupar com esse problema.

Fonte: IG Saúde
Comentários do Facebook
Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie
Agricultura44 minutos atrás

Feira da Agricultura Familiar leva otimismo para produtores

Considerada pelos produtores como a colheita do ano, a 21ª Feira da Agricultura Familiar na Expointer, que começou neste sábado...

Agricultura44 minutos atrás

Conclusão das Negociações do Acordo de Livre Comércio entre o MERCOSUL e a EFTA – Nota Conjunta dos Ministérios das Relações Exteriores, da Economia e da Agricultura, Pecuária e Abastecimento

Foram concluídas nesta sexta-feira (23/08), em Buenos Aires, as negociações do acordo de livre comércio entre o MERCOSUL e a...

Entretenimento1 hora atrás

Fotos! Conheça Gabriela Valadares, vencedora de concurso de ‘tatoo’ e musa do Atlético-MG

Mineira, de 25 anos, vem fazendo sucesso nas Internet Minas Gerais – Dona de um belo corpo, Gabriela Valadares tem...

Esportes3 horas atrás

CBF e clubes definem novo modelo de fair play financeiro para 2020

arrow-options reprodução / Twitter Leila Pereira, presidente da crefisa, e Mauricio Galiotte, mandatário do Palmeiras A CBF e os clubes...

Nacional3 horas atrás

Pronunciamento de Macron sobre Amazônia irrita apoiadores de Bolsonaro

arrow-options Reprodução/Twitter/emmanuelmacron Emmanuel Macron Neste sábado (24), o presidente francês, Emmanuel Macron, pediu a “mobilização de todas as potências” em...

Nacional3 horas atrás

Forças Armadas iniciam combate às queimadas na Amazônia neste sábado

arrow-options Fernando Frazão/ABr Queimadas na Amazônia subiram 82% neste ano O governo federal anunciou que as ações das Forças Armadas...

Entretenimento3 horas atrás

Confira as principais novidades de Disney, Marvel e Lucasfilm na D23 Expo

As atenções dos fãs de cultura geek apontam para o D23 Expo, festival que acontece na Califórnia (EUA) e conta...

São Mateus

Regional

Estadual

Nacional

Policial

Mais Lidas da Semana