conecte-se conosco



Economia

CNI critica reajuste da Selic

Publicado

em


source
Encontro de empresários da CNI com Bolsonaro
Reprodução Twitter CNI

Encontro de empresários da CNI com Bolsonaro

O Comitê de Política Monetária (Copom) do Banco Central  elevou nesta quarta-feira (8) a taxa básica de juros da economia (Selic) para 9,25%.

A Confederação Nacional da Indústria (CNI) considerou equivocada a decisão do Comitê de Política Monetária (Copom), do Banco Central, por um novo aumento da taxa básica de juros a economia em 1,5 ponto percentual. De acordo com o presidente da CNI, Robson Braga de Andrade, os últimos dois trimestres de retração do Produto Interno Bruto (PIB) deixaram evidente o quadro adverso da atividade econômica. Além disso, efeitos defasados do aumento da Selic devem contribuir, nos próximos meses, para desestimular ainda mais o consumo e, por consequência, desacelerar a inflação. “Dessa forma, um aumento menos intenso da Selic, em conjunto com as elevações anteriores, já seria mais que suficiente para levar a inflação até a meta, sem que o Banco Central aumentasse a probabilidade de recessão”, avaliou Andrade.

Em nota, a CNI argumenta sobre a razão deste cenário. “As restrições nas condições de crédito para consumidores e empresas poderiam ter seu ritmo reduzido. A decisão do Banco Central por um sétimo aumento expressivo da Selic vai de encontro a essa necessidade, aumentando o custo do financiamento e desestimulando a demanda, justamente em um momento em que muitas empresas ainda estão se recuperando”.

Leia Também

De acordo com a Federação das Indústrias do Rio (Firjan), o aumento da taxa Selic em 1,5% já era esperado, tendo em vista a elevação no nível dos preços de forma disseminada e, sobretudo, a deterioração do quadro fiscal. Por outro lado, os dados mais recentes revelam queda da atividade econômica. Além disso, as perspectivas para 2022 já são de crescimento fraco.

Em nota, a Firjan avalia “que o cenário econômico que se projeta, de maior expansão do gasto público, requer a aprovação de reformas estruturais que sejam capazes de trazer sustentabilidade para as contas públicas. Apenas com responsabilidade fiscal será possível gerar crescimento econômico de maneira sólida, resgatando a confiança dos empresários e atraindo novos investimentos. Sem isso, voltaremos a conviver com um cenário de inflação e juros altos, com baixo crescimento econômico”.

Comente Abaixo
Policial4 minutos atrás

Operação conjunta apreende mais 12 mil pacotes de café de má qualidade à venda no Espírito Santo

Uma ação da Delegacia Especializada de Defesa do Consumidor (Decon), em parceria com a Comissão de Agricultura da Assembleia Legislativa...

Economia4 minutos atrás

Governo quer antecipar obras para escoar energia gerada no Nordeste

Redação 1Bilhão Educação Financeira Governo quer antecipar obras para escoar energia gerada no Nordeste A Empresa de Pesquisa Energética (EPE)...

Internacional11 minutos atrás

Vídeo que mostra como ladrão contorcionista entra por grade de janela se torna viral

Habilidade deu o que falar nas redes sociais! Um vídeo se tornou viral nas redes sociais ao mostrar a habilidade...

Variedades16 minutos atrás

Pastor passa saliva no rosto de irmão para mostrar “visões de Deus”

Ele se baseou na ideia de que “receber uma visão de Deus pode ser desagradável”, enquanto demonstra a situação cuspindo...

Tecnologia29 minutos atrás

Além da Activision Blizzard: as 10 maiores aquisições nos games

Ricardo Syozi Além da Activision Blizzard: as 10 maiores aquisições no mercado de games Assim que a Microsoft pegou todos...

Tecnologia29 minutos atrás

YouTube Premium dá desconto de 25% em plano anual por tempo limitado

Felipe Vinha YouTube Premium dá desconto de 25% em plano anual por tempo limitado A assinatura anual do YouTube Premium...

Tecnologia29 minutos atrás

TSE cogita banir Telegram para combater fake news nas eleições

Pedro Knoth TSE cogita banir Telegram no Brasil para combater fake news nas eleições Após seguidas tentativas de entrar em...

São Mateus

Regional

Estadual

Nacional

Policial

ENTRETENIMENTO

POLÍTICA

Esportes

Mais Lidas da Semana

error: O conteúdo está protegido !!