conecte-se conosco


Regional

Cigano é preso acusado de matar empresário por dívida de R$ 300 mil em São Mateus

Publicado

em

Alessandro Freitas, de 44 anos, foi morto a tiros em abril este ano. Segundo as investigações da Polícia Civil, a vítima tinha uma dívida com o cigano Ívison Flávio dos Anjos Souza, que cometeu o crime. O suspeito foi preso na manhã desta quinta-feira (11)

A Polícia Civil, por meio da Delegacia Especializada em Homicídio e Proteção à Pessoa (DHPP) de São Mateus, com apoio dos policiais da Coordenadoria de Recursos Especiais (CORE), cumpriu o mandado de prisão do suspeito de matar o empresário Alessandro de Freitas, de 44 anos. Ivison Flavio dos Anjos Sousa, de 30 anos, foi detido na manhã desta quinta-feira (11), na ilha de Guriri, em São Mateus. O crime aconteceu no dia 24 de abril deste ano, em um lote baldio.

O titular da DHPP de São Mateus, delegado Jose Eustáquio, informou que o suspeito não ofereceu resistência à prisão. “Ivison ainda estava dormindo quando os policiais chegaram a sua residência para cumprir o mandado, e não ofereceu nenhuma resistência”, contou Eustáquio.

LEIA TAMBÉM: Empresário de Jaguaré é encontrado morto no Balneário de Guriri

O delegado relatou que “o suspeito e a vítima tinham negócios juntos, e as investigações apontaram que a motivação do crime era dividas que a vítima possuía com o autor, um valor aproximado de $300 mil reais”, disse o titular da unidade.

Durante a operação foi apreendido o celular que o suspeito utilizou para ligar para vítima e atrai-la para o local do crime. “O empresário estava interessado em comprar um lote, e o suspeito disse à vítima que iria apresentar um lote na Ilha de Guriri. Chegando ao local ele executa a vítima sem direto de defesa.” disse.

O suspeito será indiciado por homicídio qualificado por motivo torpe, por dissimulação e por recurso que dificulte ou torne impossível a defesa da vítima. Após ser ouvido, ele foi encaminhado para o Centro de Detenção Provisória (CDP) de São Mateus.

Comentários do Facebook
Leia mais:  Polícia constata a produção irregular de queijo em Linhares
publicidade

Regional

Alagoanos fogem de alojamento no Espírito Santo por causa de trabalho escravo

Publicado

em

Grupo trabalhava em lavoura de café no Espírito Santo e fugia para Alagoas quando foi resgatado por policiais na BR-101

Dezoito trabalhadores rurais em condições análogas à escravidão foram resgatados por uma equipe da Polícia Rodoviária Federal (PRF) na terça-feira (16), na BR-101, em Teixeira de Freitas, no sul da Bahia.

A informação foi divulgada pelo Ministério Público do Trabalho (MPT), nesta quarta-feira (17).

Segundo informações do órgão, os lavradores fugiram do município de Boa Esperança, no Espírito Santo, após serem submetidos a trabalhos em condições precárias.

O grupo viajava para a cidade de Piranhas, interior de Alagoas, em uma van clandestina, quando o veículo foi parado pela polícia.

De acordo com o órgão, os trabalhadores contaram que foram enganados por um homem que prometeu trabalho e estavam retornando para casa sem dinheiro e contando com a ajuda de terceiros.

O grupo foi encaminhado para o Ministério Público do Trabalho de Eunápolis, onde prestaram depoimento e receberam um transporte regular para voltar para Alagoas.

Os lavradores disseram para os procuradores do MPT que o homem que os contratou ofereceu trabalho na colheita de café, com diárias que poderiam chegar a R$ 100.

A chegada dos trabalhadores no Espírito Santo aconteceu em 1º de julho, em um ônibus clandestino, que o dono da lavoura contratou.

Ainda de acordo com o MPT, ao chegar a Boa Esperança, os trabalhadores foram alojados em uma casa sem condições mínimas de higiene e sem mobiliário e passaram a trabalhar em atividades diversas, sempre conduzidos pelo dono da lavoura.

Entretanto, o grupo recebeu a diária entre R$ 20 e R$ 50.

Segundo o depoimento dos trabalhadores, tanto as ferramentas usadas no trabalho quanto a comida que consumiam estavam sendo pagas pelos próprios lavradores.

Eles também tiveram que arcar com os custos da viagem de ida, aluguel, água e energia elétrica da casa que estavam e não tiveram registro da relação de trabalho em suas carteiras profissionais.

O caso será remetido para a unidade do MPT do Espírito Santo com indicação para que, a partir dos elementos colhidos nos depoimentos, sejam identificados o dono da lavoura de café.

(*MPT/ES)

Comentários do Facebook
Leia mais:  Tio suspeito de abusar de três sobrinhas é preso após prestar depoimento no Norte do Estado
Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie
Entretenimento11 minutos atrás

Thyane Dantas e Mileide Mihaile curtem show de Sandy e Júnior em Fortaleza

Na última sexta-feira, Mileide Mihaile e Thyane Dantas (ex e atual de Wesley Safadão) quase se esbarraram. As duas foram...

Entretenimento11 minutos atrás

Heslaine Vieira, ex-Malhação, participa de clipe do namorado

Heslaine Vieira gravou na última quinta-feira (18), na Barra da Tijuca, no Rio, o clipe da música Protetpr Solar, do...

Direto de Brasília1 hora atrás

Bebê nasce com “três cabeças” e pai tenta enterrá-lo vivo

arrow-options NewsLionTV / Reprodução Pai do bebê que nasceu com três cabeças tentou enterrá-lo vivo por medo de não ter...

Direto de Brasília1 hora atrás

Policial Militar grávida é baleada em tentativa de assalto

arrow-options ARQUIVO PESSOAL / REPRODUÇÃO Policial Ketlen Lima, de 23 anos, reagiu a assalto na cidade de Ananindeua Uma policial...

Economia2 horas atrás

Governos liberais no Brasil e na Argentina facilitaram acordo Mercosul-UE

arrow-options Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil Lucas Ferraz, secretário de Comércio Exterior, falou sobre o acordo entre Mercosul e União Europeia...

Saúde2 horas atrás

Sente coceira na cabeça? Saiba quais são as possíveis causas e soluções

Poucas coisas na vida podem ser tão irritantes quanto uma coceira na cabeça – principalmente quando ela não parece ter...

Nacional2 horas atrás

50 anos de viagem à Lua: Comemorações e conspirações

arrow-options Nasa Foto do astronauta norte-americano Buzz Aldrin caminhando na Lua. Há exatos 50 anos, no dia 20 de julho...

São Mateus

Regional

Estadual

Nacional

Policial

Mais Lidas da Semana