conecte-se conosco


Entretenimento

Camilla Camargo retorna ao teatro e não descarta carreira musical: “Quem sabe?”

Publicado

em

“Ainda não caiu a ficha”. É com esta frase, com a voz um tanto cerrada, que Camilla Camargo começa a entrevista sobre a estreia da peça “Divórcio”, que terá sua primeira sessão neste sábado (12) no Teatro Folha, em São Paulo.

Leia também: Traições, indiretas e as polêmicas brigas da família de Zezé di Camargo


Camilla Camargo
Divulgação

Camilla Camargo

Animada para a estreia, Camilla Camargo não se deixa abater pelos contratempos e mesmo com a voz debilitada, ela comenta a expectativa para retornar aos palcos: “Quem me conhece sabe que eu não fico muito tempo afastada do teatro ”. Em seguida esclarece o por que da voraz paixão: “Na minha opinião, o teatro traz uma renovação de energia enorme”.

Leia também: Zezé Di Camargo rebate seguidora sobre ter traído Zilu com Graciele Lacerda

Sobre a preparação para a peça dirigida por Otávio Martins, ela brinca: “foi tão rápido que nem parece que vai estrear agora. Ainda não caiu a ficha”.


Camilla Camargo
Divulgação

Camilla Camargo

Camilla Camargo em “Divórcio”

Apesar de estar em sua segunda montagem, esta será a primeira vez que a peça de Franz Keppler terá uma Camargo no elenco. O mote da obra gira em torno de um casal de advogados que após seu próprio divórcio se encontra no tribunal, só que agora defendendo clientes icônicos, o jogador de futebol Cacau (Alex Gruli) e a musa fitness Gina (Camilla).

Praticamente avessa a sua personagem, Camilla não vê nada de si mesma em Gina. Muito pelo contrário. “Ela é muito diferente de mim, ela tem outra energia e vê as coisas de outra forma. Além disso, ela está se divorciando, eu acabei de casar. É quase meu oposto”.

Leia mais:  As mais belas atrizes de séries teen do momento

No entanto, é justamente as diferenças entre Gina e Camilla que, segundo a atriz, torna tudo mais gostoso. O fato de não possuírem nada em comum faz com que o público confira uma personagem legítima e, para a artista, sair da zona de conforto é o melhor desafio. (continua no último destaque).


Nomade Orquestra
Reprodução Instagram

Nomade Orquestra

Música ao vivo (e de graça) na Paulista

Entre 25 de janeiro e 03 de fevereiro, a Avenida Paulista, mais especificamente nas dependências do prédio da Fiesp, abrigará a 13ª edição do FestivAlma, que este ano chega com o tema “Brasil do Surfe”.

Destaques da programação, quatro shows gratuitos esperam parar o coração da cidade e esquentar o verão dos paulistanos. No dia 25 a Nomade Orquestra abre o festival; No dia 27 é a Big Band Bixiga 70 que vai mostrar seu som. A programação completa pode ser conferida no site oficial do evento.


Camilla Camargo
Divulgação

Camilla Camargo

Super Bowl nos cinemas

Conhecido mundialmente, o Super Bowl atrai fãs do esporte e admiradores da cultura pop. O tradicional evento além de ser uma final esportiva traz consigo grandes shows em seu intervalo. Este ano, no dia 3 de fevereiro, a rede Cinemark vai transmitir o evento ao vivo. Prevista para começar 21h00, a atração terá a banda Maroon 5 no show do intervalo.

“Star Wars” ganha nova temporada


Camilla Camargo
Divulgação

Camilla Camargo

A franquia “Star Wars” atravessa gerações e conquista público por onde passa. Recentemente sua versão animada “Star Wars Resistance” teve sua segunda temporada confirmada pela Disney Channel. A estreia ainda não têm data exata, mas deve acontecer em meados do segundo semestre de 2019. Para aquecer a ansiedade dos fãs, o canal divulgou um trailer do que está por vir.

Leia mais:  Em meio a lágrimas, Monica Iozzi desabafa e fala de amigo espancado

Para quem nunca assistiu, o desenho conta a estória de Kaz Xiono, um jovem piloto recrutado pela resistência para a missão ultrassecreta de espionar a crescente ameaça da Primeira Ordem. Enquanto a segunda season não chega à emissora, o público pode rever a primeira temporada a partir deste domingo (13), às 21h30, no Disney XD .


Camilla Camargo
Divulgação

Camilla Camargo

+ Camilla Camargo

Fora dos palcos, Camilla faz parte de um dos clãs mais famosos do Brasil. Filha de Zezé Di Camargo e irmã de Wanessa, ela cresceu envolta da fama e lida com isso de maneira simples e natural.

“Eu não nasci com meu pai já famoso, mas eu acompanhei o sucesso dele quando era muito nova. Então você aprende a lidar com esse ambiente. Às vezes as pessoas têm um olhar diferente sobre você. Há até quem pergunte: ‘como é ser filha de famosos’, mas é difícil responder isso quando é algo tão natural”.

Vinda de uma família de músicos, Camilla é o ponto fora da curva, a ovelha negra da família. Sobre um dia se jogar no universo musical, ela não descarta a possibilidade.

“As pessoas me pedem muito, principalmente para cantar com a minha irmã, mas eu sempre falo que eu sou uma atriz que canta, não uma cantora. Sinto uma certa vergonha de cantar, mas quem sabe?”.


Camilla Camargo
Divulgação

Camilla Camargo

Leia também: Climão! Família de Zezé di Camargo deixa Graciele Lacerda excluída em evento

Com estreia marcada para este sábado (12) Camilla Camargo adianta que tem alguns projetos novos orbitando, mas que neste primeiro semestre do ano pretende se dedicar apenas à peça: “vou focar 100% neste trabalho. Eu tenho até uma peça com a Nany People e gostaria de retomá-la mais para frente”. Com uma tosse amenizada, a artista se despediu.

Leia mais:  Cátia Isabel cursa veterinária e quer dominar o mundo fitness

Comentários do Facebook
publicidade

Entretenimento

Nova série da MTV quer desconstruir jovens e abrir diálogo sobre gênero e drogas

Publicado

em

Na próxima segunda (21) estreia a série “Feras”, na MTV . Protagonizada por João Vítor Silva, a produção abraça as desventuras de Ciro, um rapaz que termina um relacionamento de longa data e quer se reintroduzir no mundo do amor em pleno século da tecnologia, da ideologia de  gênero, do empoderamento feminino e do hype do assédio.

Leia também: Série que mostra faceta empreendedora de Lindsay Lohan chega à MTV


João Vítor Silva interpreta Ciro na série
Reprodução / Instagram / Divulgação

João Vítor Silva interpreta Ciro na série “Feras” da MTV

Nos primeiros episódios da série da
MTV
, o personagem principal já se esquiva de rótulos como “preconceituoso” e “machista”, com intenção de demonstrar que é desconstruído. Sobre isso, João Vítor Silva declara que “todo homem hétero no mundo já esteve na pele de Ciro em algum momento” e acentua que “o machismo é uma coisa que está enraizada”, por isso, é importante manter-se alerta para não ofender os demais.

Leia também: MTV ensaia fazer com “De Férias com o Ex” o que a Band fez com “Masterchef”

Com 13 episódios garantidos em sua primeira temporada, a série, que é ambientada na noite paulistana, pode ser considerada uma jornada de autoconhecimento. Ao longo de suas aventuras, que envolvem drogas, sexo e libertinagem, Ciro se desconstrói para assim poder dar o devido respeito a todas as pessoas que formam a sociedade.

“Todo homem vai passar por esse processo (de desconstrução), se ainda não passou está travado, por que já deveria estar passando”, comenta o protagonista João Vítor.


João Vítor Silva
Divulgação

João Vítor Silva

O personagem por trás das câmeras

Sendo uma produção da emissora de músicas, que tradicionalmente não têm pudores para tratar de tabus, a série, pelo menos em seus capítulos iniciais, é carregada de liberdade artística.

Leia mais:  Cátia Isabel cursa veterinária e quer dominar o mundo fitness

Sobre os desafios de interpretar um personagem em uma produção tão livre, João Vítor explica: “O maior desafio é ser o protagonista, por que o meu personagem passa por todos os núcleos. Além disso, têm o fato de estar longe da família, da namorada e os desafios das cenas de sexo, que para mim não é um lugar confortável”.

O ator ainda explica que para evitar o “baque” nas cenas quentes, ele se reunia com o elenco para fazer leituras e criar algum tipo de intimidade. “Durante as cenas eu já estava mais confortável, não era chegar no set e ‘vai tira a roupa’”.


João Vítor Silva
Divulgação

João Vítor Silva

A mensagem de Ciro

Cheio de assuntos relevantes, o personagem principal da série, geralmente, carrega o fardo de levar uma mensagem aos telespectadores. Sobre isso, João Vítor disserta que as pessoas podem aprender muito com Ciro, principalmente, a vontade em ser uma pessoa melhor.

“Além dessa desconstrução, ele sempre é autocentrado, muito corajoso, um cara que se joga. Além disso, ele está inconformado, ele não quer ser machista. É uma palavra que ele odeia. Quando os homens entenderem o que é ser machista, acho que começaremos a ter uma mudança na sociedade. Muitas vezes, a necessidade de não ser machista faz com que eles tomem atitudes bizarras, como próprio Ciro tomou”.

Em continuidade ele acrescentou: “Precisa existir a vontade de entender o que é ser machista, os homens precisam saber como elogiar as mulheres e lidar com as mudanças de padrões”.

Durante seus romances, o personagem se vê encurralado ao não saber se relacionar amorosamente na era da internet. Sobre isso ser um alerta para os jovens, João Vítor não pestaneja: “Sem dúvida! Quando o Ciro se vê solteiro, ele não entende como as pessoas demonstram interesse com apenas uma curtida no Instagram. A mensagem é: ‘se joga, use a seu favor, mas saiba usar’”.

Leia mais:  Isabela Alvino vai homenagear Joana Prado, a Feiticeira, em seu ensaio para a Sexy

João Vítor Silva
Divulgação

João Vítor Silva

Os tabus em pauta na MTV

Sobre a produção abordar abertamente sexualidade e drogas, o protagonista da série ressalta a importância destes assuntos serem debatidos: “Já passou da hora,  sempre tivemos muitos produtos de, e para, jovens, no entanto, quando falamos com os jovens temos que falar de maneira que eles entendam. Não podemos fingir que as drogas e o gênero não estão aí. Quanto mais abrirmos o diálogo mais vamos conseguir entender os problemas e onde o sistema ou os pais estão errando”.

Em seguida, declama: “A internet está aí, todo mundo têm acesso a tudo. Quanto mais a gente mascara o assunto, do primeiro amor, da primeira transa, mais romantizamos o jovem em um lugar que ele não cabe mais”.

Além de produzir uma mensagem para o público, João Vítor também explica que Ciro foi um guia para ele: “Ele me fez pensar em lugar de fala, nas coisas que digo em uma roda de mulheres… o Ciro me ensinou que o mundo é livre e a gente tem que se jogar na liberdade, na vida, em conhecer a pessoa e realmente trocar uma ideia, não apenas trocar mensagens”.


João Vítor Silva interpreta Ciro na série
Divulgação

João Vítor Silva interpreta Ciro na série “Feras” da MTV

Leia também: Em celebração a “Nasce Uma Estrela”, Lady Gaga ganha especial na MTV

Com estreia marcada para a próxima segunda-feira (21), “ Feras ” irá ao ar às 23h00, na
MTV

Comentários do Facebook
Continue lendo

São Mateus

Regional

Estadual

Nacional

Policial

Mais Lidas da Semana