conecte-se conosco



Economia

Brasileiros tem expectativa de baixa inflação, segundo pesquisa

Publicado

em


source

Agência Brasil

mercado
Agência Brasil

Impressão pode mudar, já que o consumo focado em itens essenciais, como alimentação, deve aumentar seus preços

Os brasileiros acreditam que a taxa de inflação acumulada ficará em 4,8% nos próximos 12 meses, segundo pesquisa realizada em maio pela Fundação Getulio Vargas (FGV). A taxa é inferior aos 5,1% da pesquisa feita em abril e aos 5,4% de maio do ano passado.

Com o resultado de maio, a expectativa dos brasileiros em relação à taxa de inflação retornou ao mínimo da série histórica da FGV.

Leia ainda: O valor da educação na defesa do consumidor

A pesquisa é feita com base em entrevista a consumidores de sete capitais – Porto Alegre, São Paulo, Rio de Janeiro, Belo Horizonte, Salvador, Brasília e Recife -, que respondem à seguinte pergunta: Na sua opinião, de quanto será a inflação brasileira nos próximos 12 meses?

“Após o susto com a aceleração dos preços dos alimentos no fim de março e abril, a expectativa de inflação dos consumidores volta ao menor nível da série histórica. Esse resultado é reflexo tanto de um cenário atípico de deflação de alguns dos principais itens, quanto da expectativa do mercado de valores, cada vez menores para a inflação oficial (IPCA)”, afirma Renata de Mello Franco, pesquisadora da FGV.

Ela acredita, no entanto, que, com a pandemia da Covid-19, as famílias têm concentrado gastos com itens de maior necessidade, como os alimentos, cuja taxa tem ficado acima da média do IPCA, o que deve fazer com que os brasileiros passem a acreditar em uma inflação muito acima da projetada pelo mercado.

Veja:  Pedidos de seguro-desemprego disparam e sobem 76% na primeira quinzena de maio

Comentários do Facebook

Economia

Auxílio emergencial: 200 mil foram pagos neste sábado, apenas 14% dos pedidos

Publicado

em


source
Tatiana Thomé
Reprodução YouTube

Tatiana Thomé, vice-presidente de Governo da Caixa explica depósitos deste sábado (6)

De 1,4 milhão de pedidos de auxílio emergencial feitos ao governo federal nos últimos dias, apenas 200 mil foram aprovados para receberem o benefício. O crédito foi depositado neste sábado (6). 

Leia mais: 

Auxílio emergencial: governo estuda mais duas parcelas de R$ 300
Caixa explica como será o pagamento da 3ª parcela do auxílio emergencial
Governo divulga lista de beneficiários do auxílio emergencial

A informação foi dada pela vice-presidente de governo da Caixa, Tatiana Thomé, neste sábado (6), durante entrevista coletiva. “Duzentas mil famílias tiveram o crédito feito hoje (sábado) pela Caixa. De 1,4 milhão de registros, em torno de 200 mil foram considerados elegíveis, então foram feitos os créditos para essas pessoas na data de hoje”, afirmou Tatiana. 

A diretora do banco estatal também informou que  58,6 milhões de pessoas já receberam duas parcelas do auxílio emergencial e 108,5 milhões pelo menos uma das parcelas. O valor total pago até o momento, segundo a Caixa  já chega a R$ 76,6 bilhões. 

Explicação

A Caixa tem reiterado em suas entrevistas coletivas que não é responsável pelo processo de aprovação dos pedidos de auxílio emergencial . Neste sábado, a vice-presidente de governo da Caixa foi questionada por uma solicitante.

Ela leu a pegunta: “Caixa, estou desde 7 de abril aguardando meu auxílio já fiz duas correções e a últuma foi há 10 dias e (meu pedido) ainda está em análise, com quem eu falo, o que eu faço?”.

“A Caixa faz papel de agente pagador, não somos responsáveis pela análise do seu cadastro, pela elegibilidade, pela cruzamento das bases. O caso está em análise pela Dataprev . Pode direcionar sua questão para o Ministério da Cidadania ou aguardar mais um pouco”, respondeu.



Comentários do Facebook
Continue lendo
Nacional1 hora atrás

Brasil tem 904 mortes por Covid-19 e 27.075 novos casos

PM/Divulgação Brasil tem 904 mortes por Covid-19 em 24 horas segundo o Ministério da Saúde Os dados divulgados pelo Ministério da...

Nacional3 horas atrás

Sem dados oficiais, levantamento aponta 965 mortes por Covid-19 em 24h

Segundo levantamento do G1 junto às secretarias estaduais de saúde, o número de casos confirmados de coronavírus (Covid-19) nas últimas...

São Mateus3 horas atrás

COVID | São Mateus registra mais uma morte e chega a quase 300 casos, segundo Governo do ES

  A Secretaria Estadual de Saúde (SESA), atualizou o painel coronavírus na tarde deste sábado (06) e confirmou mais 01...

Saúde3 horas atrás

Rio registra 64.533 casos confirmados e 6.639 mortes por covid-19

. O estado do Rio de Janeiro registrou 64.533 casos confirmados e 6.639 mortes por covid-19. São mais 1.467 casos...

Nacional3 horas atrás

Governo Bolsonaro retira dados acumulados do site da Covid-19

reprodução Governo Bolsonaro está mudando protocolo de divulgação sobre a pandemia de coronavírus no Brasil O Ministério da Saúde retirou...

Esportes3 horas atrás

Ferj não marca retorno para a volta do futebol no Rio

. A autorização do governo estadual já estava dada, mas faltava a Federação de Futebol do Estado do Rio de...

Saúde3 horas atrás

Hospital em Brasília dá atenção especial a mães na hora do parto

. Equipes médicas que atuam no combate ao novo coronavírus (covid-19) têm dado atenção especial às grávidas com suspeitas de...

São Mateus

Regional

Estadual

Nacional

Policial

ENTRETENIMENTO

POLÍTICA

Esportes

Mais Lidas da Semana

error: O conteúdo está protegido !!