conecte-se conosco


Política

Bolsonaro discute estrutura de governo com seus futuros ministros em Brasília

Publicado

em


Futuros ministros se reúnem com presidente eleito para apresentar desenho da estrutura ministerial do governo Bolsonaro
Rafael Carvalho/Governo de Transição

Futuros ministros se reúnem com presidente eleito para apresentar desenho da estrutura ministerial do governo Bolsonaro

O presidente eleito, Jair Bolsonaro (PSL), chegou ao gabinete de transição, no Centro Cultural Banco do Brasil (CCBB), em Brasília, na manhã desta quinta-feira (6), pouco antes das 9h. Nesta manhã, o presidente eleito se reúne com os ministros que já estão confirmados para 2019, a fim de esboçar, junto a eles, a estrutura do governo Bolsonaro. 

Leia também: Bolsonaro diz que reforma da Previdência será votada no primeiro semestre

Nesta quinta, os futuros ministros apresentam ao presidente eleito uma sugestão do desenho consolidado da estrutura dos ministérios, que pode ser adotada pelo governo Bolsonaro a partir do dia 1º de janeiro. O capitão reformado chegou ao local do encontro acompanhado pelos filhos Flávio, eleito senador, e Eduardo Bolsonaro, eleito para a Câmara dos Deputados. 

Desde o dia 5 de novembro, os trabalhos do governo de transição estão ocorrendo no CCBB. E, embora os nomes do primeiro e do segundo escalão do futuro governo ainda não estejam todos certos, aqueles que já foram escolhidos já estão se debruçando sobre as demandas de cada uma das pastas, a fim de começar o ano já com um plano de ação. 

Leia também: Deputado petista propõe “Lei Jair Bolsonaro” para coibir ausências em debates

Bolsonaro já esclareceu que terá 22 pastas no seu governo. Por ora, ainda faltam ser confirmados os nomes daqueles que comandarão o Meio Ambiente e a pasta de Direitos Humanos. A última, inclusive, pode passar a ter status de secretaria no governo do capitão reformado, mas ainda não houve nenhuma decisão oficial sobre isso. 

Leia mais:  2018: Câmara debate fim de coligações proporcionais

No início da semana, o ministro extraordinário da transição, Onyx Lorenzoni , que já teve seu nome confirmado para a Casa Civil, divulgou o que pode ser a estrutura definitiva da Esplanada dos Ministérios no governo de Jair Bolsonaro.

Leia também: Bolsonaro foi eleito para colocar militares no comando, diz filho do presidente

No total de 22 pastas, Onyx explicou que estão incluídos Banco Central (BC) e Advocacia-Geral da União (AGU) que deverão perder o status de ministério na próxima gestão, reduzindo posteriormente o número de Ministérios a 20. Porém, só apenas essa reunião com os demais futuros ministros e o presidente eleito, é que o governo Bolsonaro deve ser melhor desenhado. 

* Com informações da Agência Brasil.

Comentários do Facebook
publicidade

Política

Pesquisa do Instituto Perfil, já apontava vitória de Edmilson Meireles, ontem em Irupi

Publicado

em

SÃO MATEUS (ES) – Numa Pesquisa Eleitoral, realizada nos dias 11 e 12 de Abril do corrente ano, o Instituto Perfil, já havia apurado o favoritismo do candidato Edmílson Meireles, que foi eleito prefeito ontem, na cidade de Irupi (ES). Município localizado na região do Caparaó, divisa entre ES e MG.

A eleição em Irupi, foi anulada pelo TRE-ES, e a justiça determinou que fosse feita uma nova eleição, em 05 de maio (ontem).

Na eleição realizada ontem, Edmílson Meireles (MDB) obteve 60,85% dos votos, contra 39,15% do seu oponente, Raphael Fonseca (PSL).

Na Pesquisa realizada há 23 dias antes do pleito, considerando apenas os votos válidos, o Instituto Perfil apurou Edmílson com 68,84%, enquanto Raphael aparecia com 31,16%. Foram ouvidas na ocasião 363 eleitores, em todos os setores da cidade, e a margem de erro do projeto de pesquisa era de 3,89%, para mais ou para menos.

Apesar do percentual de vitória do candidato do MDB, ter diminuído cerca de 8%, o Instituto, através do seu diretor e pesquisador, Erasmo Lima, pondera: “Era algo que poderia acontecer, quem está com relativa vantagem, as vezes, na reta final tira um pouco o pé do acelerador (gerando assim menos despesa de campanha), enquanto que o oponente faz, justamente o contrário, pisa mais fundo, buscando tirar a diferença na reta final, isso inclusive, vez por outra, pode dar certo. Mas, neste caso específico de Irupi, era bem pouco provável, salvo um deslize muito grande do Meireles.

Para tanto, o diretor conclui: A sustentação dos números, podem vir de várias formas. No caso do Edmílson, ele tinha disputado a eleição anterior, onde teve cerca de 49,5% dos votos, ou seja, quase a metade da população esteve com ele, com sua derrota, era natural, que o vencedor, ao assumir, tivesse desgaste, e isso obviamente fortaleceria ele, que perdeu. E foi o que aconteceu. Sem contar, que quanto perguntávamos (uma questão da Pesquisa)… Se o eleitor o achava, honesto ou desonesto, 60,60% foram na primeira opção, isso é um bom número.

Essa e outras variáveis, nos davam a certeza, mesmo há 23 dias atrás, que o pleito estava praticamente decidido. Apesar de que, o termo…decidido…numa campanha eleitoral, é sempre perigoso. Tem que saber jogar o jogo, finaliza o pesquisador.

Comentários do Facebook
Leia mais:  Renan Filho (MDB) é reeleito governador de Alagoas com 77% dos votos no 1º turno
Continue lendo
Mulher4 minutos atrás

Nutricionistas detalham o que comer no café da manhã para emagrecer

Se a prática de  exercícios físicos (sejam eles cardiovasculares ou de força) é um passo importante para o emagrecimento, saber o...

Mulher4 minutos atrás

Horóscopo do dia: previsões para 20 de maio de 2019

Terapeuta Integrativa, Masumi Suguinoshita usa a Astrologia e a Meditação como ferramentas principais de trabalho e traz ao Delas as...

Entretenimento1 hora atrás

O rei das protagonistas! As dez mulheres de Walcyr Carrasco

Prestes a estrear mais uma novela de sua autoria, Walcyr Carrasco possui um currículo extenso de novelas na Globo. Desde...

Esportes6 horas atrás

Jorge Sampaoli é perseguido por ciumentos da própria classe de trabalho

Levir Culpi, técnico de trabalhos medíocres recentemente, disse que Jorge Sampaoli será o novo comandante da Seleção. Segundo Culpi, que...

Entretenimento7 horas atrás

Reconstrução dá o tom do MECAInhotim, quatro meses após tragédia em Brumadinho

Logo na entrada de Brumadinho (MG), uma exposição de camisas e uniformes sujos de lama lembra que essa é uma...

Entretenimento7 horas atrás

Virada Cultural de São Paulo atrai cinco milhões de pessoas

A Virada Cultural aconteceu neste final de semana, 18 e 19, em São Paulo, e, segundo o prefeito Bruno Covas,...

Nacional8 horas atrás

Entenda os últimos acontecimentos da quebra de sigilo de Flávio Bolsonaro

Edilson Rodrigues/Agência Senado – 9.5.19 MP investiga suspeitas de peculato, lavagem de dinheiro e organização criminosa no gabinete de Flávio...

São Mateus

Regional

Estadual

Nacional

Policial

Mais Lidas da Semana