conecte-se conosco


Agricultura

BOI/CEPEA: Preço do bezerro sobe, mas arroba permanece estável e poder de compra cai

Publicado

em

Cepea, 16/5/2019 – Na primeira quinzena deste mês, o Indicador do boi gordo ESALQ/B3 (mercado paulista, à vista) registrou pequenas oscilações, mas a média da parcial de maio, de R$ 152,89, é 2,8% inferior à do mês anterior. Já o Indicador do bezerro ESALQ/BM&FBovespa (Mato Grosso do Sul, animal nelore, de 8 a 12 meses) registra movimento de alta. Na parcial deste mês, a média está em R$ 1.295,48, alta de 3,5% em relação à de abril. Nesse cenário, a relação de troca de um boi gordo (de 17 arrobas, com venda no mercado paulista) por bezerro (compra no mercado sul-mato-grossense) está em 2,01 bezerros, 6% abaixo da verificada em abril, quando a venda de um animal para abate possibilitava a aquisição de 2,14 animais de reposição. A relação de troca atual é a mais desfavorável ao pecuarista de recria-engorda desde julho de 2017, quando a venda de um boi gordo possibilitava a compra de 1,89 bezerro, em termos reais (os valores foram deflacionados pelo IGP-DI de abril/19). Segundo pesquisadores do Cepea, enquanto os preços do boi gordo estão enfraquecidos, devido à pressão compradora, os do bezerro estão em alta, diante da postura mais firme de criadores. Como as pastagens estão em boas condições em muitas regiões, parte dos produtores tem preferido manter o animal no pasto, à espera de maiores elevações nos preços. Além disso, o período de vacinação contra a febre aftosa também afastou alguns criadores do mercado neste mês. Fonte: Cepea – www.cepea.esalq.usp.br

Fonte: CEPEA
Comentários do Facebook
Leia mais:  Mapa solicitou ao BB suspensão de contratos de produtores atingidos em Brumadinho
publicidade

Agricultura

Em Bruxelas, Tereza Cristina reúne-se com autoridades da Comissão Europeia

Publicado

em

A ministra Tereza Cristina (Agricultura, Pecuária e Abastecimento) encontrou-se nesta quarta-feira (26), em Bruxelas, com autoridades da Comissão Europeia. A primeira reunião foi com o comissário Vytenis Andriukaitis, responsável pela Direção-Geral de Saúde e Segurança dos Alimentos.  No segundo encontro, a ministra esteve com o comissário europeu para a Agricultura e Desenvolvimento Rural, Phil Hogan. As duas agendas enquadram-se nas tratativas com vistas ao acordo Mercosul-União Europeia, em discussão esta semana na Bélgica.

Na conversa com Andriukaitis, foram tratados também temas bilaterais. A ministra destacou que o Ministério da Agricultura avançou muito na governança e transparência de seus processos de controle sanitário. E destacou que o Brasil hoje exporta alimentos de qualidade para 160 países, inclusive os da União Europeia. Foram na ocasião atualizadas as conversas sobre a pauta de exportações.

Pelo Twitter, Andriukaitis mencionou o encontro e disse ser importante a continuação do diálogo sobre segurança dos alimentos. 

 

Já com o comissário Phil Hogan, o Brasil repassou as  propostas comerciais que estão na mesa de negociação do Mercosul e da União Europeia. Depois, Tereza Cristina esteve com seus colegas ministros do Mercosul na embaixada da Argentina.

A ministra se encontrou ainda com o chanceler brasileiro Ernesto Araújo, que chegou hoje a Bruxelas para as rodadas de alto nível com a UE.

Na véspera, a ministra e as equipes do Mapa e do Itamaraty se reuniram com o setor privado brasileiro. O encontro teve o objetivo de ouvir e esclarecer as dúvidas dos representantes dos produtores de carnes, açúcar, etanol, frutas, lácteos, tabaco e defensivos agrícolas.

Leia mais:  SUÍNOS/CEPEA: Valorização do suíno favorece recuperação no poder de compra

Histórico

Desde 1999, os integrantes do Mercosul (Brasil, Argentina, Uruguai e Paraguai) e os 28 países da União Europeia negociam um acordo de livre comércio, que poderá ter mais de 770 milhões de consumidores.

Em 2018, a corrente de comércio (soma das exportações e importações) entre Mercosul e União Europeia resultou em US$ 94 bilhões, conforme estatísticas internacionais de comércio. O bloco europeu é o segundo maior parceiro comercial do bloco sul-americano, ficando atrás apenas da China (US$ 120 bilhões, corrente comercial com o Mercosul no mesmo ano).

Os sul-americanos vendem, principalmente, produtos agropecuários. Já os europeus exportam produtos industriais, como autopeças, veículos e farmacêuticos.

No ano passado, as exportações agrícolas brasileiras totalizaram US$ 13,6 bilhões para a União Europeia. O farelo de soja lidera a lista (US$ 3,4 bilhões). As importações do Brasil resultaram em US$ 2,2 bilhões, principalmente de azeite (US$ 362,5 milhões) e vinhos (US$ 156,6 milhões) dos europeus.

Mais informações à imprensa:Coordenação-geral de Comunicação Social
[email protected]

Fonte: MAPA
Comentários do Facebook
Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie
Nacional34 minutos atrás

Alexandre de Moraes revoga autorização que senador preso passe férias no Caribe

Rosinei Coutinho/SCO/STF Ministro pediu que CNJ analise conduta do procurador e do juiz que atuaram no caso O Supremo Tribunal...

Nacional34 minutos atrás

Projeto que dificulta aborto é criticado e Fernando Holiday já admite mudanças

Fábio Rodrigues Pozzebom/ABr Projeto de Fernando Holiday coloca obstáculos para a realização do aborto legal em São Paulo O vereador...

Nacional34 minutos atrás

Céu nublado predomina ao longo do dia nesta quinta, em São Paulo

shutterstock Previsão do tempo para São Paulo indica tempo nublado ao longo do dia As temperaturas continuam amenas nesta quinta (27),...

Entretenimento34 minutos atrás

Determinado a dar o golpe, Régis pede Maria em casamento em “A Dona do Pedaço”

Régis (Reinaldo Gianecchini) está cada vez mais perto de alcançar o objetivo de seu golpe em “A Dona do Pedaço”....

Entretenimento34 minutos atrás

Além de Paulinho Vilhena, relembre famosos que foram censurados pelo Instagram

Em tempos sombrios do Instagram, Paulinho Vilhena decidiu desafiar a rede social ao publicar um vídeo totalmente nu. Transmitindo um...

Esportes35 minutos atrás

Estrelas da Copa América podem reforçar clubes brasileiros; veja lista

A Copa América chega ao seu fim no próximo dia 07 de julho, mas alguns jogadores podem esticar sua permanência...

Mulher35 minutos atrás

Horóscopo do dia: previsões para 27 de junho de 2019

Terapeuta Integrativa, Masumi Suguinoshita usa a astrologia e a meditação como ferramentas principais de trabalho e traz ao Delas as...

São Mateus

Regional

Estadual

Nacional

Policial

Mais Lidas da Semana