Connect with us

Agricultura

Barragem coletiva: Represamento de água na zona rural

Published

on

Alternativa encontrada pelo município para reservação de água e manutenção da produção agrícola.
São Mateus – Há três sem chuva e o município de São Mateus passando por um longo e doloroso período de crise hídrica, a secretaria municipal de agricultura desenvolve um de prevenção e resultados de longo prazo. São as represas coletivas, construídas em parceria entre o governo municipal e o produtor.
Desde 2015, quando o projeto foi efetivamente implantado, são 26 novas represas, entre construídas, reformadas e ampliadas. O secretário municipal de agricultura, Jadir Bacheti, explica que em todo governo Boroto são 60 novas represas que darão sustentação ao homem do campo. “Essa é uma ação preventiva. O município está cumprindo sua parte, preparando o município para a reservação de água para quando elas chegarem”, explica.
Sem chuva, as represas ainda estão vazias. Das 26 novas, apenas uma inundou. “A única represa construída no projeto com água reservada está localizada na comunidade São Cristovão e só tem água por que foi construída na base de nascentes. Hoje ela jorra uma quantidade de água para encher outra represa”, disse. É o que pretende fazer o produtor rural Elizeu Bonomo. Jadir conta que Elizeu irá refazer uma de suas represas para armazenar esta água que está se perdendo.
A mais recente represa construída no projeto é a da comunidade São Pedro (km 41), que beneficia sete produtores e inunda três hectares de terra. A próxima comunidade beneficiada será a do KM 28, na propriedade de Ana Paula Martins e beneficiará a comunidade negra vizinha. “São muitas as comunidades beneficiadas pelo projeto. Em todas as extremidades do município tem construção de barragens. Se o produtor manifestar o interesse e se enquadrar nas regras, o município ajudará”, salientou.
Com funciona o projeto?
O programa Barragem Coletiva, desenvolvido pela secretaria municipal de agricultura, não escolhe áreas para a construção das represas. O produtor rural é que precisa manifestar o interesse. Mas ele não pode estar sozinho. Jadir explica que é necessário, no mínimo, que quatro propriedades sejam beneficiadas. “O município entra com maquinário, transporte e operadores. Os produtores assumem o combustível, alimentação e o projeto da barragem”. A localidade da represa fica onde, tecnicamente, for apontada a maior inundação, com menor perca de área.
Jadir relata que no início da gestão Boroto, o processo para a construção de novas barragens era muito complexo. Com a crise hídrica já instalada no estado, o governo passou a facilitar o licenciamento e hoje barragens com até 15 hectares são liberadas pelo Instituto de Defesa Agropecuária e Florestal do Espírito Santo (Idaf). “Hoje existe a dispensa de licença para represas de até mil hectare e licença simplificada para represas de até três mil hectares de inundação. Outra atitude do governo do estado foi a liberação de supressão de pequenas árvores em primeiro e segundo estágio, desde que o produtor compense com o reflorestamento em outras áreas”, frisou.

Comente Abaixo
Nacional13 minutos ago

Haddad lidera em SP com 34%; Tarcísio e Garcia empatam em 2º lugar

Reprodução redes sociais: 11.08.2022 Haddad, Rodrigo Garcia e Tarcisio de Freitas O ex-prefeito Fernando Haddad (PT) está na liderança da...

Economia18 minutos ago

Entidades divulgam carta contra leilão de termelétricas a gás

Fernanda Capelli Entidades pedem cancelamento de leilão de termelétricas a gás Entidades do setor elétrico e de defesa do consumidor...

Regional36 minutos ago

Regência sedia Campeonato Brasileiro de Bodyboarding até domingo (14)

A competição conta com a participação de 130 atletas de vários estados. Até o próximo domingo (14), as ondas da...

Economia42 minutos ago

Bolsonaro autoriza continuidade da licitação do Aeroporto do Galeão

Divulgação Aeroporto Santos e Tom Jobim (Galeão) Decreto assinado pelo presidente Jair Bolsonaro nesta quinta-feira (11) autorizou a continuidade do...

Política43 minutos ago

Ex-ministro Abraham Weintraub declara mais de R$ 15 milhões ao TSE

Reprodução Ex-ministro Abraham Weintraub declara mais de R$ 15 milhões ao TSE O ex-ministro da Educação e candidato a deputado...

Nacional43 minutos ago

Caso Ceperj: governo impôs sigilo a documentos alvos de investigação

Reprodução Google – 07.08.2022 Prédio da Ceperj no Rio de Janeiro É restrição de acesso onde, após denúncias, o governo...

Regional44 minutos ago

Motorista de carro morre em acidente com carreta na BR 101

Após a batida na madrugada desta sexta (12), carro ficou destruído e a carreta teve a carga impulsionada contra a...

São Mateus

Regional

Estadual

Nacional

Policial

ENTRETENIMENTO

POLÍTICA

Esportes

Mais Lidas da Semana