conecte-se conosco


Cultura

Banda Mato Seco vai se apresentar no Réveillon de Itaúnas

Publicado

em

CONCEIÇÃO DA BARRA (ES) – No dia 30, a banda Mato Seco se apresenta no Réveillon de Itaúnas no Espírito Santo. O Mato cantará os maiores sucessos que marcaram sua história, como ResistênciaTudo Nos é DadoCaminho da Luz Pedras Pesadas.  A noite ainda contará com shows de Maneva e 3030.

 Formado por Rodrigo Piccolo (vocal e guitarra), Eric Oliveira (guitarra), Osvaldo Ciziniaukas Jr.(contrabaixo), João Paz (órgão e piano), Tiago Rezende (bateria),Carlos Eduardo Gonçalves (percussão e voz) e Mauro Peres (percussão e voz), o Mato Seco vem há 16 anos trazendo letras bem elaboradas com mensagens positivas. 

Tudo começou em 2002, em São Caetano do Sul, São Paulo, quando 7 amigos de infância amantes do mais puro reggae resolveram se unir e formar uma banda. Mesmo sem experiência, cada um dos integrantes pegou um instrumento e foi aprender a tocar. A ideia não podia ter sido melhor, com o passar do tempo foram se harmonizando e abrindo caminho para que a carreira da banda crescesse, e dessa “brincadeira” nasceu uma das maiores potências do reggae brasileiro. 

 Com letras bem elaboradas e com uma filosofia que prega a paz e a resistência. O Mato foi conquistando um público fiel e ganhando cada vez mais espaço na mídia. Os números comprovam que a carreira do Mato está em ascensão, somando mais de 15 milhões de visualizações no YouTube e mais de 758.964 mil seguidores nas redes sociais.  

A banda tem participado de grandes festivais de todos os segmentos da música, também neste ano fez uma apresentação memorável na Casa Natura Musical em São Paulo. Recentemente mixou algumas canções no Mosh studios e masterizou no famoso Abbey Road Studios, de Londres. Com a agenda cheia, o Mato Seco tem programada diversas apresentações em casas de show de grande importância no Brasil inteiro até o final do ano. 


Confira o mais recente videoclipe do Mato “Levante a cabeça, Jah não vai te deixar”  

https://www.youtube.com/watch?v=TGbItnjNzno 

E o videoclipe de “Vou na fé”: 

https://www.youtube.com/watch?v=A4L3ttqg_7c 

Leia mais:  Adolescente mata homem com golpes de enxadão por ciúmes da namorada em São Mateus

  

Mato Seco no programa SuperStar da rede globo: 

http://gshow.globo.com/Musica/noticia/2016/04/mato-seco-do-superstar-lista-influencias-da-banda-depois-do-reggae-vem-o-rock-n-roll.html 

 


Serviço: 

Local: Vibe Itaúnas

Endereço: Conceição da Barra –  Itaúnas – ES

Valor: R$ 170,00 Passaporte com entrada para os 3 dias de evento. 

Ingressos disponíveis no site: https://www.ticketpremium.com.br/Site/Setores/42


Siga o Mato nas Redes sociais: 

Facebook: https://www.facebook.com/matosecoficial/ 

Instagram: https://www.instagram.com/matosecoficial/ 

YouTubehttps://www.youtube.com/channel/UCpo5MmygEHw8Vj5y3aM9rEA 

Site: https://www.matoseco.com.br/

Comentários do Facebook
publicidade

Cultura

Apresentações do Reis de Boi seguem até fevereiro

Publicado

em

SÃO MATEUS (ES) – As manifestações folclóricas do Reis de Boi, consideradas uma das riquezas culturais de São Mateus, no norte capixaba, seguem até o dia 3 de fevereiro, Dia de São Brás.

A devoção que arrasta pequenas multidões nesta mesma época para a localidade de Pedra D´água, todo ano, compõe o rico acervo cultural mateense há mais de três séculos. O Reis de Bois não é o mesmo que Folia de Reis, evento da cultura popular celebrado em todo o Estado. O assunto já foi motivo de estudos acadêmicos e de historiadores da terra e, graças aos brincantes, ao empenho do município e de remanescentes da cultura afro-brasileira;  de ativistas culturais e pesquisadores,  esse traço cultural resiste ao tempo.

“Não é Folia de Reis, mas Reis de Boi. Nas barrancas do Cricaré o Ciclo Natalino começa no Dia dos Santos Reis, 6 de Janeiro, quando Gaspar, Belchior e Baltazar chegaram para presentear com ouro, incenso e mirra o recém-nascido Jesus Cristo.” Quem explica é o historiador Maciel de Aguiar, autor de mais de cem obras da história marginal da escravidão no Brasil. O cenário principal de suas muitas histórias é a região de São Mateus.

“É a festança popular, onde o Espírito Santo se confunde com a Bahia, começa na Igreja dos Santos Reis, na localidade de Pedra D´água, aqui em São Mateus, com várias apresentações dos grupos de Reis de Boi, e vai até 3 de fevereiro, dia de São Brás, o santo protetor da garganta, quando milhares de brincantes vão pedir proteção para as suas gargantas e agradecer por cantar em celebração ao menino Deus. É a devoção popular mais representativa da região, e comemorada há mais de 300 anos” – completa Maciel.

O ativista cultural Jonas Bonomo, que já foi secretário de Cultura no município, reconhece a importância do apoio municipal ao evento:  “Eu acho muito importante apoiar essa manifestação anual, que já conta mais de 300 anos. É uma cultura simples, ingênua, porém de muita criatividade e bom gosto. Nossa cidade ganha muito com este apoio da Prefeitura, tanto para perpetuação da cultura como um produto de alto valor para o turismo, tendo em vista sua beleza inigualável”.

Comentários do Facebook
Leia mais:  Carreta tomba e pega fogo em Barra de São Francisco
Continue lendo

São Mateus

Regional

Estadual

Nacional

Policial

Mais Lidas da Semana