conecte-se conosco



Esportes

Após êxito na Copa do Brasil, Botafogo e Atlético-GO duelam na Série A

Publicado

em


.

A semana foi boa para Atlético Goianiense e Botafogo, ambos classificados às oitavas de final da Copa do Brasil. As duas equipes, com moral nas alturas, estarão frente a frente neste domingo (27), em partida válida pela 12ª rodada do Campeonato Brasileiro. O confronto será no estádio Olímpico, na capital Goiânia, às 18h15 (horário de Brasília), com transmissão ao vivo pela Rádio Nacional. 

Comandado pelo técnico Vagner Macini, o Dragão vinha em ascensão no Brasileiro até que, na última rodada,  perdeu em casa para o Atlético-MG por 4 a 3. Em dez jogos, os goianos ganharam três, empataram outros três e perderam quatro vezes. A equipe ocupa a 15ª posição na tabela, com 12 pontos.  Na quarta (23), o Atlético-GO carimbou o passaporte para as oitavas da Copa do Brasil ao vencer em casa o Fluminense, por 3 a 1. O treinador deve repetir nesta noite a escalação da última quarta (23), com Jean; Dudu, Éder, Gilvan e Nicolas; Edson, Marlon Freitas e Chico; Janderson, Hyuri e Gustavo Ferrareis.

Já o Alvinego carioca ainda não tem muito o que comemorar no Brasileirão: está na zona de rebaixamento, em 18º lugar. Das dez partidas que jogou, ganhou apenas uma: foram sete empates e duas derrotas. Mas o time chega ao Olímpico neste domingo (27) embalado com o feito da última quinta (24) na Copa do Brasil. Como já vencera o Vasco em casa por 1 a 0, bastou um empate em 0 a 0 para o Botafogo avançar de fase na segunda maior competição do futebol brasileiro.

Para o embate deste domingo (27), o técnico Paulo Autuori terá de driblar vários desfalques.  A questão física pesou para Marcelo Benevenuto, Gatito e Honda,  que sequer viajaram para Goiânia. O atacante Rhuan, que sofreu uma concussão no fim do jogo de quinta (24),  ainda segue protocolo médico e também não joga hoje. A provável escalação do Botafogo deverá ser com Diego Cavalieri; Kevin, Kanu, Forster, Victor Luis; Rentería, Caio Alexandre, Bruno Nazário; Davi Araújo, Babi e Pedro Raul.

A Rádio Nacional transmite o embate Atlético-GO e Botafogo a partir das 18h, com narração será de André Luiz Mendes, comentários de Mário Silva, reportagem de Maurício Costa e plantão de Bruno Mendes. Acompanhe a partida abaixo:

Edição: Cláudia Soares Rodrigues

Comentários do Facebook

Esportes

Cruzeiro vence Minas Brasília e segue vivo no Brasileiro Feminino

Publicado

em


O Cruzeiro ainda tem chances de classificação à próxima fase da Série A1 (primeira divisão) do Campeonato Brasileiro de Futebol Feminino. A vitória por 2 a 0 sobre o Minas Brasília, neste sábado (10) à noite, levou a Raposa aos 20 pontos, a três do Grêmio, último time no G-8. As Cabulosas se beneficiaram do empate das tricolores com o São José por 1 a 1.

A Raposa recebeu as brasilienses no Sesc Alterosas, em Belo Horizonte, pela 14ª rodada da competição. Aos 18 minutos da etapa final, após boa jogada individual da atacante Micaelly, a bola sobrou para a meia Duda bater da entrada da área, no canto de Thalya. Já nos acréscimos, a atacante Mariana Santos foi lançada, com liberdade, escapou da goleira e definiu a vitória celeste.

Em 10º, as cruzeirenses torcem, agora, por um tropeço do Flamengo neste domingo (11). O Rubro-Negro enfrenta o Palmeiras em Itu (SP) e, se vencer, vai a 24 pontos – o que acabaria com as chances de classificação das mineiras, que podem ir, no máximo, a 23 pontos nesta primeira fase.

A derrota impediu que o Minas assegurasse, com uma rodada de antecipação, a permanência na elite. A equipe tem quatro pontos de vantagem para o Iranduba, que joga no domingo, em Caçador (SC), contra o Avaí/Kindermann. O time de Brasília torce por uma derrota das amazonenses para entrar na última rodada, na quarta-feira (14), livre do rebaixamento.

Ruim para os dois

Em Gravataí (RS), a atacante Fernanda Tipa, de pênalti, colocou o São José à frente do Grêmio, no início do primeiro tempo. Na etapa final, a meia Jane Tavares aproveitou a sobra de uma bola rebatida pela zaga e bateu com categoria, de fora da área, deixando tudo igual. As gremistas estiveram mais perto da virada que as paulistas do segundo gol, mas a igualdade prevaleceu no estádio Vieirão.

O resultado não foi bom para ninguém. O São José foi a 17 pontos, estacionando na 11ª posição. As joseenses podem atingir, no máximo, 20 pontos – o que é insuficiente para disputar a última vaga no G-8. Já o Grêmio corre risco de perder o lugar na zona de classificação se o Flamengo vencer o Palmeiras. As tricolores estão em oitavo, com 23 pontos, com dois pontos (e um jogo) a mais que as rubro-negras.

Mata-mata em vista

O empate em Gravataí foi comemorado pelo Internacional, que, antes mesmo de ir à campo pela 14ª rodada (também neste domingo, contra o já rebaixado Audax, em Porto Alegre), garantiu-se no mata-mata. Com 27 pontos, as Coloradas não podem mais ser ultrapassadas pelas gremistas. Ferroviária e São Paulo, ambos com 26 pontos, podem seguir o mesmo caminho se empatarem no duelo entre si, em Araraquara (SP). Avaí/Kindermann e Palmeiras, com 24 pontos, asseguram vaga se vencerem, respectivamente, Iranduba e Flamengo.

Confira a classificação da Série A1 do Brasileiro Feminino.

Edição: Verônica Dalcanal

Comentários do Facebook
Continue lendo

São Mateus

Regional

Estadual

Nacional

Policial

ENTRETENIMENTO

POLÍTICA

Esportes

Mais Lidas da Semana

error: O conteúdo está protegido !!