conecte-se conosco


Nacional

Após críticas, Hamilton Mourão decide não viajar no mesmo avião que Bolsonaro

Publicado

em


General da reserva do Exército, o vice-presidente eleito Antonio Hamilton Martins Mourão (PRTB)
Divulgação/Exército Brasileiro – 7.7.14

General da reserva do Exército, o vice-presidente eleito Antonio Hamilton Martins Mourão (PRTB)

O general da reserva Hamilton Mourão (PRTB), vice-presidente eleito do Brasil, declarou nesta quinta-feira (8) sua intenção de não mais acompanhar o presidente eleito, Jair Bolsonaro (PSL), em suas viagens de avião pelo país e no exterior.

Leia também: Vice de Bolsonaro critica 13º salário e adicional de férias: “São jabuticabas”

A declaração foi feita após as críticas veiculadas na imprensa em razão de os dois terem dividido uma aeronave da Força Aérea Brasileira, na terça-feira (6), na primeira viagem oficial da dupla após o segundo turno das eleições. Assim, o general da reserva  Hamilton Mourão afirmou que pretende, já nesta quinta-fera (8), retornar sozinho para o Rio de Janeiro em vôo comercial.

Protocolos internacionais de segurança desaconcelham que os dois primeiros nomes na linha de sucessão do governo compartilhem uma mesma aeronave. O objetivo é evitar uma crise institucional e política na eventualidade de um acidente fatal.

Caso semelhante aconteceu na Polônia, em 2010, quando o avião que levava o presidente Lech Kaczynski, a primeira-dama e vários membros do alto escalão do governo se acidentou, levando à morte toda a tripulação.

Leia também: Vice de Bolsonaro diz que neto é bonito porque sofreu “branqueamento da raça”

Em reservado, membros do próprio Exército criticaram a viagem conjunta do presidente e vice eleitos. Membros do Gabinete de Segurança Institucional (GSI) da Presidência também estranharam a opção de Bolsonaro e Mourão. De acordo com eles, é praxe há décadas que os chefes do Poder Executivo viagem em separado.

“É o que mostra o bom senso. No país, não é uma novidade”, explicou, ao jornal Folha de S.Paulo , o ex-ministro do GSI, general José Elito Carvalho. 

Leia mais:  João de Deus sacou R$ 35 milhões após primeiras denúncias de abuso sexual

O retorno – em nave separada – de Hamilton Mourão à Brasília deve acontecer em breve. A presidência do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) entrou em contato com o ministro extraordinário Onyx Lorenzoni para agendar a diplomação do presidente eleito devido à cirurgia de Bolsonaro. A ideia do TSE é que a solenidade ocorra no dia 11 de dezembro.

Leia também: Mourão posa para foto com Doria, declara apoio e irrita PSL: “Ele só atrapalha”

Comentários do Facebook
publicidade

Nacional

Passageiro filma pane que obrigou avião a forçar pouso no Galeão; assista

Publicado

em

Passageiros de um voo que faria o trajeto entre Rio e São Paulo levaram grande susto na manhã desta quinta-feira (15). O avião da companhia aérea Gol precisou fazer pouso inesperado no Aeroporto Internacional Tom Jobim (o Galeão) momentos após ter decolado do Aeroporto Santos Dumont.

Leia também: Tarifas de embarque de aeroportos da Infraero ficam 5,39% mais caras

Vídeo divulgado nas redes sociais por um dos passageiros da aeronave mostra a razão da mudança de planos: ainda em baixa atitude, uma das turbinas do avião começou a produzir clarões, bem próximo à asa direita da aeronave.

Em nota (veja íntegra ao fim do texto), a  Gol informou que o incidente decorreu de uma “limitação técnica em um dos motores” da aeronave. A companhia aérea disse ainda que todos os passageiros do voo G3 1025 foram realocados em outro avião e já desembarcaram no aeroporto de Congonhas, na zona sul da capital paulista.

O incidente desta manhã no Rio de Janeiro ocorre cerca de um mês após outro episódio que causou apreensão no sistema aéreo brasileiro. No dia 20 do mês passado, o Aeroporto de Confins, o maior terminal de Minas Gerais,  ficou mais de dez horas fechado devido a um pouso de emergência de voo da companhia Latam.

Mais de 120 voos atrasaram ou foram cancelados devido àquela ocorrência, que se deu após o piloto forçar pouso no aeroporto devido a uma pane elétrica. A interdição da pista, que não é projetada para receber aeronaves tão grandes como aquele Boeing 777, foi motivada por danos nos pneus do avião durante a aterrissagem.

Leia também: Fogo em museu e quedas de viadutos trouxeram à tona ineficácia do poder público

Leia mais:  Sem alarde, bispo Edir Macedo declara apoio a Bolsonaro em rede social

Confira íntegra da nota da Gol sobre incidente com avião nesta manhã:

“A GOL informa que após a decolagem do voo G3 1025 (Santos Dumont – Congonhas), foi identificada pela tripulação uma limitação técnica em um dos motores, sendo necessário realizar um pouso alternado no aeroporto internacional do Rio de Janeiro. Logo após o desembarque dos passageiros, a aeronave foi encaminhada para avaliação da equipe de manutenção. Os Clientes foram reacomodados nos próximos voos e já desembarcaram no destino final. A companhia reitera que preza pelos mais altos padrões de segurança, valor número um da GOL.”

Comentários do Facebook
Continue lendo
Direto de Brasília8 minutos atrás

Moro afirma que não é possível enviar Força Nacional ao Pará agora

Reprodução/ Facebook Governador paraense se reuniu com o ministro Sérgio Moro e reiterou o pedido de ajuda federal O ministro...

Regional38 minutos atrás

Polícia prende chefe do tráfico de drogas de três bairros em Pinheiros

Denúncia de agressão doméstica deu início à operação; acusado já tinha três mandados em aberto PINHEIROS (ES) – O chefe...

Mulher54 minutos atrás

Roteiro de drinques de verão super refrescantes

Nesses dias e noites da estação mais quente do ano, nada melhor do que drinques de verão para se refrescar....

Entretenimento54 minutos atrás

15 perguntas! Nany People fala sobre carreira, política, namoro e muito mais

Desde o início de sua trajetória em Minas, sua terra natal, até a ida para São Paulo em busca do...

Economia2 horas atrás

Preço da gasolina nas refinarias volta a subir e chega a R$ 1,4990

Divulgação/Prefeitura de Paulínia A alta do petróleo e a desvalorização do real frente ao dólar motivaram o reajuste no preço...

Entretenimento2 horas atrás

Que calor! Cacu Colucci aproveita dia ensolarado com banho de mangueira

A ex-“BBB 10”, Cacau Colucci, fez a temperatura subir nesta quarta-feira (16) com um clique super sensual em seu perfil...

Entretenimento2 horas atrás

Que calor! Cacu Colucci aproveita dia ensolarado com banho de mangueira

A ex-“BBB 10”, Cacau Colucci, fez a temperatura subir nesta quarta-feira (16) com um clique super sensual em seu perfil...

São Mateus

Regional

Estadual

Nacional

Policial

Mais Lidas da Semana