Connect with us

Economia

‘Aponte onde tem dinheiro’, diz Bolsonaro sobre reajuste a servidores

Published

on

source
‘Aponte onde tem dinheiro que eu dou’, diz Bolsonaro sobre reajuste a servidores
Reprodução/Youtube

‘Aponte onde tem dinheiro que eu dou’, diz Bolsonaro sobre reajuste a servidores

O presidente Jair Bolsonaro (PL) afirmou nesta quinta-feira (23) que alguns servidores públicos federais estão ‘revoltados’ com ele porque não haverá reajuste salarial neste ano. “Me aponte onde tem dinheiro que eu dou”, declarou Bolsonaro em conversa com apoiadores no cercadinho do Palácio da Alvorada.

Entre no  canal do Brasil Econômico no Telegram e fique por dentro de todas as notícias do dia. Siga também o  perfil geral do Portal iG

“Alguns estão revoltados comigo: ‘Ah, não vai dar reajuste este ano’. Pô, vê como que está a economia. Me aponte onde tem dinheiro que eu dou agora o reajuste. A solução é fazer greve, estão preparando. Não adianta botar a faca no meu pescoço. Não tem”.

“É o filho que o pai está desempregado pedindo uma bicicleta no Natal. Não tem, por mais que ele mereça”, comparou.

Bolsonaro ainda justificou a falta de reajuste a fatores externos, como a pandemia de Covid-19, a guerra na Ucrânia e a “ganância da Petrobras”. 

Reajuste linear

Ainda no ano passado, Bolsonaro prometeu reajuste salarial apenas para policiais federais, policiais rodoviários federais e agentes penitenciários, que compõem sua base eleitoral.

Entretanto, a promessa gerou insatisfação de outras categorias do funcionalismo público, como as de servidores do Banco Central, do Tesouro Nacional e da CGU (Controladoria Geral da União), que iniciaram movimentos grevistas para pressionar o governo.

Em resposta, o Planalto passou a avaliar a possibilidade de conceder um reajuste linear de 5% a todas as categorias. A ideia, porém, custaria cerca de R$ 6,3 bilhões aos cofres públicos. E o governo havia reservado apenas R$ 1,7 bilhão no Orçamento 2022 para isso.

Neste mês, no entanto, anunciou que esse dinheiro seria usado para abater do montante total que precisava ser contingenciado dos ministérios. Em maio, o Ministério da Economia havia anunciado que o bloqueio de recursos do Orçamento ficaria em R$ 8,2 bilhões. Com a decisão,  ficou em R$ 6,9 bilhões.

Justificando falta de espaço no Orçamento, Bolsonaro descartou o reajuste linear de 5%. Em contrapartida, prometeu dobrar o vale-alimentação dos servidores públicos federais.

Agora, corre contra o tempo para que essa ideia saia do papel nos prazos determinados pela lei em ano de eleição.

Comente Abaixo
Entretenimento3 horas ago

Record fatura R$ 65 milhões com o reality Ilha 2 antes da estreia

Divulgação/Record Caique Aguiar, Solange Gomes e Raphael Sander estão no elenco do Ilha Record 2 Ao contrário do Power Couple...

Internacional3 horas ago

Equador: movimento indígena aceita dialogar, mas segue com protestos

Reprodução Manifestações convocadas por sindicalistas e organizações indígenas ocorrem há semanas no Equador Um dia depois que o presidente do...

Entretenimento7 horas ago

Sem as calças, Sarah Caus se veste de freira e gera polêmica: “Vou pecar”

Sarah Caus, modelo e influenciadora digital, resolveu deixar os fãs chocados na tarde desta segunda-feira (27). O motivo? A musa...

Regional7 horas ago

Tragédia em Linhares | Justiça nega liberdade ao ex-pastor Georgeval

Ele é acusado de ter estuprado filho e enteado, e incendiado a casa com as crianças vivas, desacordadas em uma...

Nacional7 horas ago

Homem coloca fogo e esfaqueia colega de trabalho; vídeo

Caso ocorreu na última sexta-feira (24). Agressor foi preso por tentativa de homicídio Na noite da última sexta-feira (24), um...

Estadual7 horas ago

Vacinação contra a gripe é ampliada para toda população no ES

Antes, o imunizante estava disponível apenas aos grupos prioritários definidos pelo Ministério da Saúde. Agora, as doses podem ser aplicadas...

Nacional7 horas ago

Mulher mata marido asfixiado após ele chamá-la de “velha e gorda”

A suspeita teria convencido a vítima a ser amarrada. Ela confessou o crime, e não teria sido a primeira tentativa...

São Mateus

Regional

Estadual

Nacional

Policial

ENTRETENIMENTO

POLÍTICA

Esportes

Mais Lidas da Semana