conecte-se conosco



Entretenimento

Aplicativos são a nova tendência para conquistar aficionados por séries

Publicado

em

Os fãs
de séries estão cada vez mais exigentes e organizados, buscando novas plataformas para avaliar críticas e resenhas sobre seriados, como também relatarem a sua opinião, marcar episódios já assistidos e diversas outras interações. Esse novo perfil de usuário assíduo faz com que surja uma nova tendência, possibilitando que outras empresas, que vão além das plataformas de streaming, criem aplicativos
atrativos para esse público. 

Leia também: À vontade com status de “viciados”, jovens de hoje assistem cada vez mais séries


Aplicativos e plataformas de interação para fãs de séries são a nova tendência para cativar ainda mais esse público!
Banco de Imagens
Aplicativos e plataformas de interação para fãs de séries são a nova tendência para cativar ainda mais esse público!

Indo na contramão dessa nova tendência de mercado, a Netflix, anunciou que irá retirar todo o conteúdo de críticas do seu site até o fim de agosto pois estava prejudicando a funcionalidade da plataforma nos últimos anos. Muitos fãs de séries
ficaram insatisfeitos com a decisão da empresa, mas podem recorrer a outros serviços compatíveis que estão surgindo no mercado, como o Clube Minha Série. 

Plataforma para a interação entre fãs de séries

Criado pela NZN, um dos principais players para soluções de publicidade e produção de conteúdo digital do Brasil, o Clube Minha Série foi criado para disponibilizar aos usuários um ambiente de troca de informações sobre o universo das produções. Hospedado dentro do site “Minha Série”, a plataforma está em teste desde março e já conta com mais de 3.800 participantes e 200 textos publicados.


Clube Minha Série é uma plataforma de interação de fãs de séries!
Reprodução/Site Clube Minha Série
Clube Minha Série é uma plataforma de interação de fãs de séries!

De acordo com um levantamento realizado pela empresa, cerca 52,3% de pessoas que consomem conteúdos relacionados aos seus títulos preferidos afirmam buscar este tipo de conteúdo em plataformas sociais ou em comunidades como grupos no Facebook.

Ainda analisando quais as fontes de preferência para as informações, 22% afirmam ter como referência qualquer pessoa que já tenha assistido às séries, atrás somente de veículos, com 48% da escolha dos entrevistados, e à frente de influenciadores e amigos com 14% cada. 

Permitindo que os usuários compartilhem todos os detalhes de suas tramas favoritas em um ambiente de interações e novas amizades, Guilherme Haas, editor-chefe do site, esclarece que o espaço é colaborativo e as pessoas que desejam fazer parte do clube, precisam apenas ter noção básicas de como escrever um texto. 

“Se o site em si não é uma ferramente de recomendação, talvez a plataforma seja. Porém, ele se torna muito mais uma comunidade do que um espaço de crítica. Qualquer pessoa que deseja pode se cadastrar, preenchendo algumas informações ou fazendo login com seu perfil no Facebook ou Google”, explica. 


Clube Minha Série permite que fãs apaixonados pelo universo escrevam críticas e sugestões sobre as produções
Reprodução/Site Clube Minha Série
Clube Minha Série permite que fãs apaixonados pelo universo escrevam críticas e sugestões sobre as produções

Com planos de ainda não transformar a plataforma em um aplicativo, mas sim deixar a ferramenta mais intuitiva juntamente com o site, Guilherme Haas define que os principais diferenciais do Clube são a possibilidade de trocarem ideias, compartilharem gostos, recomendações para novas produções, além de ser um bom lugar de visibilidade para quem gosta de escrever. 

Leia também: SOT TV, plataforma de TV por streaming, chega com a meta de redefinir o mercado

O novo universo que transcende as plataformas de streamings 

Outros serviços como o site Banco de Séries e os aplicativos Series Guide e TV Time são atrativos para o grupo de ficcionados em produções tanto na TV como nas plataformas de streaming, sendo elas brasileiras ou estrangeiras. As plataformas permitem que os cadastrados façam parte de comunidades, criem memes ou gifs, escrevam comentários e sugestões – sem spoilers e acompanhem seus episódios em um calendário personalizado. 


Jessica Correa, fã de séries e usuária de apps e plataformas para acompanhar suas produções favoritas
Reprodução/Instagram
Jessica Correa, fã de séries e usuária de apps e plataformas para acompanhar suas produções favoritas

Criadora do blog Modernagem, a Relações Públicas Jessica Correa, escolheu fazer parte de comunidades e usar apps pela necessidade de administrar todas a séries que assistia simultâneamente e acompanhar os episódios. Levando em consideração a vantagem de poder ser notificado sobre quando o episódio vai ao ar, ler a sinopse e conhecer a opinião de outros seriadores. 

Atuando como resenhista e coordenando um blog de entretenimento, a utilização de plataformas também serve como ferramentas para realização de atividades e principalmente de organização. 

“Cada uma das plataformas, com suas peculiaridades, atende a sua proposta principal, possibilitando que o dia a dia do seriador se torne mais fácil e prático – afinal, para maioria das pessoas, ser seriador é um hobbie e não uma profissão e, por esse motivo, precisamos ser o mais organizados e proativos possível”, conta. 

Leia também: Renovada para 3ª temporada, “Riverdale” se tornou a nova série teen do momento

Fazendo parte do Clube Minha Série, Ricardo Bezerra, conta que no passado já possuia um blog, mas encontrou na plataforma uma nova oportunidade de dar continuidade ao seu trabalho e demostrar sua paixão por séries. 


Empresas investem em aplicativos e apps para atrair cada vez mais os aficionados por séries, que passam tanto na TV como nas plataformas de streaming
Banco de Imagens
Empresas investem em aplicativos e apps para atrair cada vez mais os aficionados por séries, que passam tanto na TV como nas plataformas de streaming

“Descobri sobre o Clube Minha Série por causa do site ‘Minha Série’, que está entre os meus favoritos sobre o assunto, e que acesso quase todos os dias. Tem sido uma experiência bem legal, muito pelo fato de não ter que me preocupar com gerar trafego, até pela própria comunidade do Clube, que lê o que escrevo”, expõe. 

Sendo um novo e bom aliado para pessoas que não tem tanto conhecimento em seriados, ou buscam um espaço especial para mostrar a sua opinião e fazer amizades, as plataformas dedicadas as  séries
estão cada vez mais se tornando um modelo de negócio rentável e inspirador. 

Comentários do Facebook

Entretenimento

É oficial! Meghan Markle e Harry confirmam deixar a Família Real em abril

Publicado

em

source

Agora é oficial! Meghan Markle e príncipe Harry marcaram a data certa de quando vão renunciar seus privilégios como membros da Família Real. De acordo com a revista People, um porta-voz dos dois confirmou que o anúncio será feito formalmente no dia 31 de março deste ano.

Leia também: Trabalho de Meghan Markle com a Disney está só começando, afirma jornal

Príncipe Harry e Meghan Markle arrow-options
Reprodução/Instagram

Príncipe Harry e Meghan Markle


Já no dia primeiro de abril, Meghan Markle e príncipe Harry não terão mais seus postos no escritório do Palácio de Buckingham e serão representados por sua equipe da fundação de caridade no Reino Unido. Ainda segundo a revista, em 12 meses haverá uma revisão no contrato firmado entre as partes.

Leia também: Harry e Meghan fazem visita surpresa a universidade nos Estados Unidos

“Como não há precedentes para esse novo modelo de trabalho e eventual independência financeira, a Família Real e os Sussexes concordaram em uma revisão inicial de 12 meses para garantir que o acordo funcione para todas as partes”, completou o porta-voz.

Harry pretende manter suas patentes militares pelos serviços à Inglaterra e nenhuma nomeação será feita para preencher essas funções até que se dê a revisão de um ano do contrato.

Leia também:Harry e Meghan Markle fazem amizade com Jennifer Lopez durante viagem

Mas, ainda existem “discussões em andamento” sobre o fato de Meghan Markle e príncipe Harry poderem ou não usar a palavra “real” em seus novos negócios.

Fonte: IG GENTE

Comentários do Facebook
Continue lendo
Saúde19 minutos atrás

Grupo em quarentena tem exames negativos para novo coronavírus

Exames específicos para o novo coronavírus feitos no grupo de 54 pessoas em quarentena na Base Aérea de Anápolis (GO)...

Política19 minutos atrás

Em depoimento, Lula nega favorecimento a montadoras em Medidas Provisórias

arrow-options Agência Pública Ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva negou nesta quarta-feira (19) que tenha...

Estadual32 minutos atrás

Matrículas abertas para beneficiários do CNH Social em cursos de motorista profissional

Os beneficiários do CNH Social que buscam qualificação profissional já podem se inscrever gratuitamente em Cursos Especializados de Condutores Profissionais...

Política32 minutos atrás

“É inovação do Presidente” Doria ironiza Bolsonaro por governar pelo WhatsApp

O governador de São Paulo, João Doria , voltou a criticar, nesta quarta-feira (19), o distanciamento do presidente Jair Bolsonaro...

Economia45 minutos atrás

Prazo para declarar o Imposto de Renda 2020 começa em 2 de março

arrow-options Foto: Reprodução/Internet O contribuinte poderá baixar o programa gerador da declaração a partir desta quinta-feira A  Receita Federal divulgou...

Economia45 minutos atrás

“Algo semelhante a rato morto” no molho de tomate gera indenização

arrow-options shutterstock Empresa condenada é responsável por marcas conhecidas no mercado Uma família de Itaúna, região Centro-Oeste de Minas Gerais,...

Tecnologia45 minutos atrás

Samsung é criticada por incluir anúncios em celular de R$ 9.000

Qual é a última coisa que você espera ver quando compra um celular de R$ 9.000 ? Uma boa resposta...

São Mateus

Regional

Estadual

Nacional

Policial

ENTRETENIMENTO

POLÍTICA

Esportes

Mais Lidas da Semana