conecte-se conosco



Política

“Agora não pode mais prender jornalista”, ironiza Moro

Publicado

em

source
Moro arrow-options
Reprodução/Twitter

Sergio Moro participou do programa Pânico nesta segunda-feira

O ministro da Justiça e Segurança Pública, Sergio Moro, participou do Programa Pânico na rádio Jovem Pan nesta segunda-feira (27) e afirmou que, com a Lei de Abuso de Autoridade, “agora não pode mais prender jornalista”. A hashtag #MoronoPânico foi o assunto mais comentado do Twitter no Brasil. 

Leia também: Na Índia, Eduardo Bolsonaro diz querer abrir mercado de armas no Brasil

Durante o programa, o jornalista André Marinho fez uma brincadeira e imitou a voz e sotaque do ministro, e afirmou: “Espero que você não me dê voz de prisão”. Moro , por sua vez, ironizou: “Agora tem a Lei de Abuso de Autoridade, não pode mais prender jornalista né”.

O ministro também fez críticas a imprensa e afirmou que os veículos ignoram dados relevantes da pasta da Justiça. “A imprensa faz seu trabalho, claro, mas às vezes não dá muita importância a dados positivos da Segurança Pública e de outras áreas. É papel dela, mas às vezes é um pouco crítica demais”, afirmou.

Um dos entrevistadores também mencionou o jornalista Glenn Greenwald, denunciado pelo Ministério Público por supostamente ter auxiliado na invasão de celulares de autoridades, incluindo Moro. O ministro comentou que Glenn teria sido barrado em sua entrevista no Roda Viva, mas depois recuou e afirmou que não sabe se o jornalista foi impedido de participar. 

Leia também: “Ele esqueceu a ética e a moral”, diz Mourão sobre Witzel após conversa gravada

O ex-juiz afirmou ainda que apoiará  Bolsonaro em 2022 e negou a existência de atritos com o presidente. “Já falei um milhão de vezes, daqui a pouco vou tatuar na testa”, afirmou. “É uma questão de lealdade”. 

Comentários do Facebook

Política

Campanha do Novo mira “faria limers”e deixa classes mais pobres para depois

Publicado

em

source
Faria Lima arrow-options
Michel Filho / Agência O Globo

Sede da Camargo Corrêa, na Avenida Faria Lima, em São Paulo

O Partido Novo já definiu como devem ser suas campanhas para a disputa das prefeituras nas eleições deste ano. A ideia é focar em públicos que já se identificam com a sigla, como os “faria limers”, e deixa pautas sociais e classes mais pobres para o futuro, quando já tiver uma consolidação maior no país.

Leia também: Eduardo Bolsonaro dá banana e manda deputadas que defenderam jornalista “rasparem sovaco”

Segundo informações do blog da jornalista Bela Megale, o Novo entende que as figuras de seus candidatos ainda não têm o peso necessário para brigar pelos votos da população e que o nome do partido é mais forte no momento e tem mais potencial para alcançar mais votos no pleito deste ano.

Por este motivo, a ideia é focar em quem já conhece e, provavelmente, já votou em políticos do partido em 2018. É neste ponto que entram os ” faria limers “, como ficaram conhecidas as pessoas que trabalham na região da Avenida Faria Lima, área nobre da cidade de São Paulo, e outros grupos deste mesmo círculo, que teriam mais inclinação em aceitar e apoiar as propostas da sigla.

Leia também: Pedido de impeachment de Witzel é protocolado na Alerj

Assim, o mais provável é que a campanha de Felipe Sabará, nome escolhido pelo Novo para disputar a Prefeitura de São Paulo, foque exatamente no público de maior poder aquisitivo e deixe de lado possíveis pautas voltadas para a população mais pobre da cidade.

Comentários do Facebook
Continue lendo
Agricultura3 minutos atrás

MERCADO DE TRABALHO/CEPEA: Ocupações no agro fecham 2019 estáveis, com participação de 20% no total do BR

Clique aqui e baixe o release completo em word.    Cepea, 19/02/2020 – Segundo pesquisas do Cepea (Centro de Estudos...

Polícia Federal3 minutos atrás

PF prende homem por tráfico de drogas

Chuí/RS – A Polícia Federal prendeu um homem em flagrante, na terça-feira (18/2), por tráfico de drogas. A prisão ocorreu...

Entretenimento3 minutos atrás

Danilo Gentili perde a linha com seguidora: “Boquet**** de político”

Nos últimos dias, a  fantasia usada por Alessandra Negrini em um bloco de rua de São Paulo deu o que...

Internacional4 minutos atrás

China se ofende com artigo e expulsa do país três repórteres de jornal dos EUA

arrow-options Reprodução/HispanTV Geng Shang, ministro das Relações Exteriores da China, anunciou a expulsão dos jornalistas norte-americanos O governo da China...

Tecnologia25 minutos atrás

Até tu? Ex-executivo da Amazon diz que desliga a Alexa em conversas particulares

arrow-options Divulgação/Amazon O Echo Dot é um dos dispositivos com Alexa Uma nova declaração de um ex-executivo da Amazon , Robert...

Regional32 minutos atrás

Homem atingido com tiro no braço enquanto almoçava em Jaguaré

O atirador perseguia dois elementos, quando invadiu quintal de casa e atirou, acertando a vítima em um dos braços.  ...

Polícia Federal37 minutos atrás

Policiais realizam apreensão de uma embarcação carregada com cigarros paraguaios

Guaíra/PR – Na terça-feira (18/2), mais uma apreensão foi realizada por equipes que participam da OPERAÇÃO HÓRUS, integrada pela POLÍCIA...

São Mateus

Regional

Estadual

Nacional

Policial

ENTRETENIMENTO

POLÍTICA

Esportes

Mais Lidas da Semana