Connect with us

Policial

Agente de turismo é preso por aplicar golpes com pacotes de viagens falsos

Published

on

A equipe da Delegacia de Polícia (DP) de Marataízes prendeu um homem de 31 anos, no bairro Acapulco, no município, nessa segunda-feira (27). Ele é suspeito de aplicar golpes, por meio de uma agência de viagens, ao ofertar pacotes de excursões que eram comprados por clientes que conseguiam viajar e não tinham o dinheiro de volta. 

A prisão foi realizada durante mandado de prisão preventiva e as investigações apontam que mais de 40 pessoas foram vítimas, nos estados do Espírito Santo e Rio de Janeiro. O titular da Delegacia de Polícia de Marataízes, delegado Renato Barcellos, informou que estão em trâmite na unidade policial diversos procedimentos investigativos em relação aos golpes praticados pelo suspeito.

Além disso, há diversas outras informações, por meio de Boletins de Ocorrência (BO), sobre petições protocoladas por advogados, além de várias reclamações no Instituto Estadual de Proteção e Defesa do Consumidor (Procon-ES) sobre os pacotes de viagens ofertados para clientes e que não foram realizados. De acordo com as diligências, o suspeito realizava desde 2019 o mesmo modus operandi.

“Os pacotes ofertados abaixo do valor de mercado eram comprados por terceiros, sem nenhuma garantia de que seriam cumpridos. O suspeito ofertava as viagens aos clientes com base na cotação do dia, referente a milhas que são comercializadas livremente em sites da internet. Antes de efetivar as compras, os clientes pagavam pelo valor indicado, porém, quando os compradores iriam de fato adquirir essas milhas correspondentes à viagem prometida pelo valor flutuante, já pago por eles, já havia subido ou as milhas tinham sido vendidas a outros negociantes”, explicou o delegado.

Segundo o responsável pela investigação, o suspeito, mesmo sabendo da probabilidade real de frustração do acordo com as vítimas, mantinha os clientes no erro e eles descobriam no próprio dia do embarque que não fariam a viagem.

“O passo seguinte do investigado era tentar, por alternativas mais baratas, até que os clientes desistissem ou aceitassem outros pacotes totalmente diversos do que ele oferecia, uma vez que já estavam vulneráveis, obtendo, dessa forma, vantagem em cima das transações efetuadas pelas vítimas”, acrescentou o delegado Renato Barcellos.

O suspeito mantinha uma agência de viagens, situada no bairro Cidade Nova, em Marataízes, e tinha o registro de pessoa jurídica no cartório. Além disso, a empresa tinha redes sociais, por onde mantinha contato com os clientes e fazia propagandas para atrair a atenção deles. Após o suspeito ser detido, o estabelecimento se encontra com as atividades encerradas e foi encaminhado um ofício ao Instagram para a suspensão da conta.

O suspeito vai responder pelo crime de estelionato, sendo encaminhado para o Centro de Detenção Provisória de Marataízes (CDPM), ficando à disposição da Justiça.

Texto: Brenda Corti, estagiária da Seção de Imprensa e Comunicação Interna (Sicoi)

 

Assessoria de Comunicação Polícia Civil

Comunicação Interna – (27) 3137-9024

[email protected]

Informações à Imprensa:

Matheus Zardini / Olga Samara  

(27) 3636-1574 / (27) 99297-8693 / (27) 3636-1536 / (27) 99846-1111

[email protected]

Fonte: Polícia Civil ES

Comente Abaixo
Esportes15 minutos ago

Chapecoense perde pênalti, empata com o Novorizontino e segue ameaçada pelo Z4

A Chapecoense segue em situação complicada na Série B do Campeonato Brasileiro. Na noite desta quarta-feira, a equipe catarinense recebeu...

Esportes16 minutos ago

São Paulo ganha do Ceará nos pênaltis e vai à semifinal da Sul-Americana

O São Paulo eliminou o Ceará nos pênaltis, na noite desta quarta-feira (10.08), e avançou à semifinal da Copa Sul-Americana. ...

Estadual1 hora ago

2ª Vara Cível, Família e de Órfãos e Sucessões de Aracruz realiza mutirão

Ação terminou na última sexta-feira (05/08) com 79,3% de acordos. A 2ª Vara Cível, de Família e de Órfãos e...

Estadual1 hora ago

Corregedor visita novas instalações do Cartório de Itapemirim que foi alvo de incêndio criminoso

Os documentos destruídos pelo fogo estão sendo recuperados gradualmente. O corregedor-geral da Justiça, desembargador Carlos Simões Fonseca, visitou as novas...

Estadual1 hora ago

Emes promove o Curso remoto Justiça Digital: Google Workspace e Pje, com turmas entre 17 de agosto e 27 de outubro

Curso terá transmissão ao vivo em plataforma eletrônica de acesso gratuito, para integrantes do Poder Judiciário do Estado do Espírito...

Estadual1 hora ago

Justiça condena proprietário de terras a indenizar mulher que teria colidido em animal solto na estrada

A mulher teria sofrido lesões o que a impossibilitou de realizar atividades por quatro meses. Uma mulher ingressou com uma...

Nacional1 hora ago

Morte de Marcelo Arruda: policial penal usará tornozeleira eletrônica

Reprodução – 11/07/2022 José da Rocha Guaranho, atirador bolsonarista O policial penal federal Jorge José da Rocha Guaranho , de...

São Mateus

Regional

Estadual

Nacional

Policial

ENTRETENIMENTO

POLÍTICA

Esportes

Mais Lidas da Semana