conecte-se conosco



Nacional

Aeroportos brasileiros passam a transmitir alerta da Anvisa sobre coronavírus

Publicado

em

source

Agência Brasil

aeroporto arrow-options
Reprodução

Mensagem com cerca de 1 minuto traz orientações para passageiros que possam ter circulado na China

Os aeroportos brasileiros começaram a divulgar a partir desta sexta-feira (24) um alerta da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) sobre o coronavírus. No alerta, uma mensagem de áudio de aproximadamente 1 minuto, a Anvisa orienta os passageiros que chegaram da China e estão com sintomas como febre e tosse a procurar uma unidade de saúde. Também são dadas orientações para evitar a transmissão de doenças.

Leia mais: China fecha parte da Muralha e da Cidade Proibida devido ao coronavírus

A E mpresa Brasileira de Infraestrutura Aeroportuária ( Infraero ) confirmou que todos os aeroportos administrados por ela veicularão a mensagem. Segundo a Anvisa, os aeroportos concedidos à iniciativa privada também receberam o alerta sonoro e devem veiculá-lo. A agência se reuniu especificamente com representantes do aeroporto de Guarulhos, por tratar-se de um local com fluxo intenso de voos internacionais.

Nessa reunião, a Anvisa informou profissionais de empresas aéreas e de outros setores do aeroporto sobre a atual situação do coronavírus e sobre a definição do governo brasileiro, alinhada às orientações da Organização Mundial de Saúde (OMS) do que pode ser considerado um caso suspeito. Além disso, a agência abordou a intensificação nos procedimentos de limpeza e desinfecção dos terminais.

O coronavírus matou 26 pessoas na China e a doença chegou a outros países, como Japão , Tailândia e Coreia do Sul. Não há registros de que a doença tenha chegado ao Brasil. A fonte do vírus ainda é desconhecida, sendo possivelmente de uma reserva animal, e a extensão da transmissão entre humanos ainda não é clara.

Leia também: Ministério da Saúde garante que coronavírus não chegou ao Brasil

“A Anvisa informa: se você tiver febre, tosse ou dificuldade para respirar dentro de um período de 14 dias após a viagem para a China, você deve procurar uma unidade de saúde mais próxima e informar a respeito da viagem. Se você tiver febre, tosse ou dificuldade para respirar tome medidas simples, que podem evitar a transmissão de doenças: lave as mãos frequentemente com água e sabão. Se não tiver água e sabão, use álcool em gel. Cubra o nariz e a boca com lenço descartável ao tossir ou espirrar. Descarte o lenço no lixo e lave as mãos. Evite aglomerações e ambientes fechados, procurando manter os ambientes ventilados. Não compartilhe objetos de uso pessoal como talheres, pratos, copos ou garrafas. Procure o serviço de saúde mais próximo”.

Comentários do Facebook

Nacional

Prefeitura de São Paulo cancela bloqueio da marginal Pinheiros

Publicado

em

source
Marginal alagada arrow-options
Antonio Cicero/PhotoPress/Agência O Globo

Forte chuva causa vários alagamentos, engarrafamentos e interrupcao de linhas de trem da CPTM nas cidade de Sao Paulo e Osasco

A Prefeitura de São Paulo cancelou o bloqueio da via expressa marginal Pinheiros que estava planejado para ocorrer a partir das 23h desta segunda-feira (10). A interdição seria feita para realizar as obras da linha 17-Ouro do metrô, mas foi suspensa após a capital ser atingida por fortes chuvas durante o dia de hoje.

Caso o bloqueio fosse mantido, a mobilidade ficaria ainda mais difícil para o paulistano nesta terça (11). Para aliviar um pouco a dificuldade de transporte, a Prefeitura também suspendeu o rodízio de veículos para amanhã.

Leia também: Vice-governador sobrevoa áreas atingidas pelas chuvas na Grande São Paulo

Sobre as obras do metrô, que estavam previstas para acontecerem durante a noite e a madrugada até sexta (14), os bloqueios da marginal Pinheiros estão mantidos por enquanto.

O bloqueio é necessário para que caminhões descarreguem materiais utilizados na montagem da passarela de acesso à futura estação Morumbi da Linha 17. O desvio de tráfego, assim como as alternativas e a orientação aos motoristas será feito pelas equipes da Companhia de Engenharia de Tráfego (CET).

Confira os horários das interdições:

– Das 23h de terça-feira (11) às 4h da quarta-feira (12);
– Das 23h da quarta-feira (12) às 4h da quinta-feira (13);
– Das 23h da quinta-feira (13) às 4h da sexta-feira (14);
– Das 23h da sexta-feira (14), às 4h do sábado (15).

Comentários do Facebook
Continue lendo
Economia8 horas atrás

Dólar fecha a R$ 4,32 nesta segunda-feira e bate novo recorde

arrow-options Pixabay/Reprodução Dólar continua subindo com tensões relacionadas ao coronavírus O dólar comercial teve alta de 0,06% nesta segunda-feira (10) e...

Economia8 horas atrás

Aeroportos em SP sofrem com as chuvas; Aéreas oferecem reembolso

As companhias aéreas Azul e Latam afirmaram, nesta segunda-feira (10), que os passageiros de voos afetados pelas fortes chuvas de...

Economia8 horas atrás

Escritório comercial do estado de São Paulo é inaugurado em Dubai

arrow-options Fotos Públicas Dória inaugura escritório comercial em Dubai Uma comitiva com quase 50 empresários, além de secretários de governo...

Economia8 horas atrás

Aumento de imposto pode extinguir até 728 mil empregos, afirmam industriais

Duas propostas de emenda à Constituição ( PEC ) apresentadas ao Congresso no ano passado podem reduzir as exportações brasileiras...

Economia8 horas atrás

Bolsa fecha o dia no menor nível desde dezembro

Em mais um dia marcado por volatilidade no mercado financeiro, a bolsa de valores teve forte queda e fechou no...

Economia8 horas atrás

Impacto das chuvas: shoppings de São Paulo perdem clientes mas funcionam amanhã

arrow-options Antonio Cicero/PhotoPress/Agência O Globo Shoppings também sofreram impactos das fortes chuvas na cidade de São Paulo e Osasco Os...

Mulher9 horas atrás

Mãe solo que sofreu isolamento social após gravidez cria “tinder das mães”

O sentimento de solidão e a falta  de companhia após as duas gravidezes que viveu foi o que motivou a britânica...

São Mateus

Regional

Estadual

Nacional

Policial

ENTRETENIMENTO

POLÍTICA

Esportes

Mais Lidas da Semana